Dicas

Sexo seguro: leve o preservativo de férias

04 agosto 2014

04 agosto 2014

Inclua preservativos na bagagem: usá-los é a única forma de prevenir o VIH e outras doenças sexualmente transmissíveis.

Início

O preservativo tem 98% de eficácia. Enquanto não inventam um infalível, o melhor é seguir à risca as regras para uma colocação correta. Lembre-se: o preservativo durante o sexo oral também protege contra doenças sexualmente transmissíveis. Se a ideia o incomoda, experimente os com sabores. 

Os centros de saúde fornecem preservativos gratuitamente na consulta de planeamento familiar. O preservativo feminino não está atualmente à venda nas farmácias, mas existe nos centros de saúde ou em algumas associações. Antes de usar, verifique a data de validade e confirme se o invólucro está intacto. 

Manual de instruções
Ao abrir, cuidado com as unhas ou com peças de bijuteria. Não rasgue a embalagem com os dentes. 

Coloque-o quando o pénis estiver em ereção, antes de contatar com a área genital do parceiro. Segure com os dedos a ponta do preservativo para expulsar o ar e evitar que rebente. Depois, desenrole o preservativo ao longo do pénis até à base. Se não deslizar, é provável que esteja ao contrário. Nesse caso, use outro: esse já não o protege. Após a ejaculação retire o preservativo com cuidado, dê um nó e deite-o no lixo.

O preservativo feminino tem dois anéis, um em cada extremidade. O anel mais pequeno é introduzido na vagina até à parte mais profunda, como se estivesse a colocar um tampão ou um diafragma. O anel maior fica no exterior da vagina, sobre os grandes lábios da vulva. Durante a penetração, evite a deslocação do preservativo e assegure-se de que o pénis não se posiciona entre o preservativo e a vagina. Para retirar o preservativo, torça o anel exterior com cuidado para não derramar esperma. Dê um nó e deite-o no lixo. 

Feminino ou masculino, use um preservativo novo em cada relação sexual. Se esta for muito longa, troque-o ao fim de 30 minutos, porque a fricção pode enfraquecê-lo. Nunca use dois preservativos ao mesmo tempo, nem conjugue um feminino com um masculino. A fricção entre ambos pode enfraquecê-los e rompê-los.

Bloqueadores de eficácia
As loções e óleos corporais danificam o látex. Prefira um lubrificante à base de água, especialmente durante o sexo anal. Medicamentos em forma de creme ou supositório para infeções fúngicas também danificam o látex.

Os preservativos com espermicidas são tão eficazes como os outros, mas  aumentam o risco de infeções.




Imprimir Enviar por e-mail