Dicas

Incêndios florestais: prevenir e agir

01 fevereiro 2019
incêndio numa floresta

01 fevereiro 2019
Em caso de incêndio, ligue de imediato para o 112 ou para os bombeiros da sua área. Se não correr perigo, tente extinguir o incêndio com pás, enxadas ou ramos. Saiba como tratar a inalação de fumos.

Se passear na floresta

Antes de ir para a floresta, consulte o índice de risco de incêndio florestal diário junto da sua câmara municipal, dos Serviços Florestais ou do Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

Painel de risco de incêndio

  • Cor verde: risco reduzido; ignição difícil, propagação de incêndio lenta.
  • Cor amarela: risco moderado; ignição e propagação de incêndio moderada.
  • Cor laranja: risco elevado; fácil ignição, intensidade moderada a elevada e propagação moderadamente rápida.
  • Cor vermelha: risco muito elevado; intensidade elevada e propagação rápida, ignição rápida de fagulhas com possibilidade de fogo de copas.
  • Cor vermelha escura: risco máximo: intensidade e propagação de incêndio externa, possibilidade de focos secundários intensos.
Sempre que o risco de incêndio florestal seja de nível muito elevado ou máximo, não é permitido aceder, circular e permanecer no interior das áreas condicionadas, bem como em todas as vias que as atravessem, com exceção das autoestradas, IP, IC, EN e estradas regionais.

Já quando o risco de incêndio florestal for elevado ou superior, todas as pessoas que circulem no interior das áreas condicionadas e nas vias que as atravessem ou as delimitem são obrigadas a identificar-se perante as entidades com competência de fiscalização.

No entanto, há exceções ao condicionamento:
  • residentes, proprietários, produtores florestais e pessoas que aí exerçam a sua atividade profissional;
  • necessidade de circulação por estas vias para acesso à residência ou local de trabalho;
  • acesso a praias fluviais e marítimas concessionadas;
  • acesso a equipamentos florestais de recreio, quando devidamente infraestruturados.
Ao não cumprir as regras de condicionamento está a infringir a lei. As coimas podem atingir valores entre € 5 000 (pessoas singulares) e € 60 000 (pessoas coletivas).
 
As fogueiras só podem ser feitas nos locais assinalados para o efeito e em dias de pouco vento. Mesmo que respeite esta regra, tenha alguns cuidados na hora de atear as brasas. Remova as folhas secas e ponha um círculo de pedras em redor do fogo. De seguida, molhe bem o local à volta e mantenha por perto um recipiente com água. Durante todo o churrasco, vigie a fogueira atentamente.
  

Quando terminar, apague a fogueira com água e terra. Não abandone lixo na floresta, incluindo garrafas de vidro.

As queimadas são proibidas entre 1 de julho e 15 de outubro. Fora deste período, só são permitidas se o índice de risco de incêndio for inferior ao nível elevado. Por isso, antes de fazer uma queimada peça autorização à Câmara Municipal e informe-se das condições de segurança junto dos bombeiros da sua área.

Se ficar cercado por um incêndio durante um passeio, ligue para o 112 ou o 117 e tente sair na direção contrária à do vento. Refugie-se numa zona com água ou com pouca vegetação. É essencial cobrir a cabeça e o resto do corpo com roupas molhadas e respirar junto ao chão, para evitar inalar o fumo. Caso não consiga sair sozinho, aguarde a chegada dos bombeiros.