Notícias

Boas fraldas para poupar € 140 por ano

28 outubro 2016
teste a fraldas

28 outubro 2016
Mais de metade das 15 fraldas que analisámos são fiáveis e cumprem a função principal: absorver o xixi e manter a pele seca. Não há motivo para preocupação com substâncias indesejáveis.
Proteger a pele do bebé, boa absorção e preço em conta: são estas as características que se esperam de uma fralda. Nos resultados do nosso teste, há pelo menos duas marcas brancas, nossas Escolhas Acertadas, que as reúnem. São alternativas, que aliam boa qualidade a bom preço, a outros modelos mais caros de qualidade idêntica. 

Em laboratório, a maioria dos produtos provaram que absorvem a urina de forma eficaz. No teste prático, onde cada modelo foi avaliado com 30 bebés, as fraldas revelaram-se ainda mais eficazes. O ponto fraco de algumas marcas é o facto de deixarem a pele ligeiramente húmida, o que denuncia falhas na absorção. Sem a pele seca, o bebé pode desenvolver problemas cutâneos. Composição de material absorvente, que retém a urina e a transforma em gel, é a fórmula comum de combate para uma boa absorção. Devido a esse fenómeno, a fralda vai aumentando de volume. Por esse motivo, a fralda de um bebé após 9 ou 10 horas de sono duplica de tamanho. 

Apenas dois produtos contêm vestígios de substâncias químicas indesejáveis (hidrocarbonetos aromáticos policíclicos), embora ainda dentro de um quadro admissível. Todos os outros modelos estão isentos deste tipo de substâncias químicas. Trata-se de substâncias carcinogénicas e potencialmente mutagénicas que podem ser absorvidas pela pele. 

140 euros de poupança anual
Num cenário de utilização de cinco fraldas por dia, ao comprar a nossa Escolha Acertada mais barata, a poupança anual chega a € 140 face à média de preços das amostras testadas. 

A preocupação dos pais é conseguir comprar fraldas de boa qualidade a um preço acessível, enquanto a autonomia não se concretiza. O peso correspondente ao tamanho 4 de fraldas, do nosso estudo, inicia-se nos sete quilos. O gasto médio diário não é inferior a cinco fraldas, se quiser garantir o conforto da criança com pouco mais de 1 ano. O custo chega a ser de cerca de € 20 por mês, se fizermos o cálculo com a nossa Escolha Acertada, a 13 cêntimos por fralda. A despesa supera os € 230 anuais. Mas, se optar por modelos mais caros, pode chegar a mais de € 700 por ano.