Dicas

Bebés: como afastar os químicos no quarto

02 março 2015
químicos na roupa

02 março 2015

Sem que se aperceba, o quarto do bebé está repleto de substâncias químicas, algumas delas com efeitos prejudiciais para a sua saúde. Minimize a presença de tóxicos.

Plásticos, borrachas, silicones, tecidos e pequenas peças de metal podem ter uma presença mais ou menos discreta no quarto do bebé, mas será impossível garantir que ele não está em contacto com nenhuma delas. Na verdade, estão tão próximas quanto uma chucha de silicone, uma fralda descartável ou um brinquedo de plástico.

Alguns destes produtos podem conter elementos químicos prejudiciais para a saúde, outros libertam gases que afetam o funcionamento do organismo ou emitem partículas que podem desencadear reações alérgicas. E estes efeitos podem ser agravados se o bebé mantiver um contacto prolongado com a substância nociva.

Não conseguindo, naturalmente, impedir que o seu bebé contacte com substâncias prejudiciais à saúde, pode, pelo menos, minimizar os efeitos indesejáveis desse contacto. Algumas dicas para quartos de crianças com menos de 3 anos:

Chucha
Chuchas e mordedores tendem a estar em contacto muito prolongado com a boca do bebé. Mergulhe-os em água a ferver antes da primeira utilização ou use um esterilizador. Nos dias seguintes, lave-os com regularidade.

Berço
Lave todos os tecidos que vão estar em contacto com a pele do bebé antes de estes serem usados pela primeira vez. Além das roupas que ele usará no corpo, lave também lençóis, fronhas, colchas, sacos-cama e resguardos de colchão.

Muda de fralda
Prefira um trocador revestido com tecido, que possa ser retirado e lavado antes da primeira utilização. Se optar por um trocador revestido com plástico, para ser mais facilmente lavável em cada utilização, não se esqueça de colocar um tecido por cima (por exemplo, uma fralda de pano), para que o plástico não fique em contacto direto com a pele do bebé.

Higiene pessoal
Use apenas os produtos cosméticos essenciais para o bem-estar do seu bebé. O perfume, por exemplo, é desnecessário.

Roupa
Prefira vestuário sem impressões ou com impressões feitas à base de tinta aquosa, que não libertem substâncias nocivas. Verifique se o vestuário da criança não tem peças pequenas que a criança consiga agarrar e pôr na boca. Tenha especial cuidado com botões, molas, fechos e pequenos enfeites metalizados.


Brincar
Lave os brinquedos de plástico e de borracha com água e sabão antes do primeiro contacto destes com o bebé, que rapidamente os colocará na boca. Desta forma minimizará o contacto da criança com eventuais substâncias tóxicas que eles ainda tragam da fábrica. Aproveite o momento da lavagem para se aperceber de eventuais extremidades ou ranhuras no objeto que possam colocar em causa a segurança do bebé.

Tapetes de atividades
Os tapetes de atividades também estão em contacto com a pele do bebé, sobretudo com as mãos, que eles constantemente levam à boca, mas também com o rosto e as pernas, sempre que as crianças se deitam no tapete. Se o tapete for de pano, coloque-o a arejar antes da primeira utilização. Se optar por um tapete de borracha, como os típicos puzzles coloridos, não se esqueça de lavar previamente todas as peças com água e sabão e deixá-las arejar no exterior antes da primeira utilização.


Imprimir Enviar por e-mail