Notícias

Máquina de lavar roupa Bosch WAYH890ES com i-Dos é inteligente e cara

O “i-DOS” é um sistema inteligente de doseamento de detergente e de amaciador, em função da carga, do tipo de roupa a lavar e do grau de sujidade. Testámos a máquina e concluímos que é cara para apenas tirar proveito deste sistema.

24 outubro 2017
bosch i-dos

Thinkstock

Costuma colocar sempre a mesma quantidade de detergente e de amaciador quando lava roupa na máquina? Com a tecnologia i-DOS do modelo Bosch WAYH890ES, segundo o fabricante, os sensores detetam o tipo de tecido, a quantidade de carga e o grau de sujidade da roupa. Poderá, assim, poupar em água, detergente e amaciador? Comparámos os resultados de lavagem com “i-DOS” e sem esta função.

Fizemos uma lavagem com a função “i-DOS” selecionada e outra sem essa função automática, com um detergente padrão em pó que utilizamos nos nossos testes comparativos. Testámos dois programas de lavagem: algodão e sintéticos.

Detergente e amaciador doseados durante a lavagem

Para utilizar a função de doseamento automático, basta encher o depósito do detergente e do amaciador, carregar a máquina com a roupa, escolher o programa e premir a tecla “i-DOS”.A máquina vai dispensando de forma automática a quantidade certa de detergente e de amaciador.

 

Please fill the source and the alt text 
Basta premir a tecla "IDOS" para a máquina dosear o detergente e o amaciador durante a lavagem.

 

Preço elevado pela função ‘i-DOS’

Imagine-se sem ter de encher a gaveta do detergente ou sem ter de colocá-lo dentro do tambor durante cerca de 20 lavagens. Se, ainda por cima, poupasse em água e eletricidade, a Bosch WAYH890ES com “i-DOS” seria bastante atraente. Mas não é bem assim. 

Sem a função “i-DOS”, a Qualidade Global que esta máquina obteve nos nossos testes é de 64 por cento, o que corresponde a uma boa qualidade. Será que vale a pena pagar mais de mil euros para ter uma máquina de lavar roupa com esta função? A Bosch WAYH890ES com i-DOS custa entre € 1124 e 1399 euros. 

Se considera que nunca põe na máquina as quantidades certas de detergente em cada lavagem e se, para si, um bom enxaguamento é fundamental (por causa de alergias, por exemplo), esta função pode valer a pena. Para obter resultados de enxaguamento idênticos noutras máquinas teria de carregar na tecla “enxaguamento extra” quando ela existe, aumentando o consumo de água.

 

Please fill the source and the alt text 
Basta encher os depósitos de detergente e amaciador na gaveta. A Bosch WAYH890ES com i-Dos trata de dosear, segundo o fabricante. 

Conheça a avaliação feita por especialistas independentes a modelos de diversas marcas no nosso teste a máquinas de lavar roupa. Utilize a função “comparar” para confrontar as características de cada máquina e poupe até 114,48 euros.

Pontos fortes

  • Adiciona detergente e amaciador (se quiser utilizar) de forma automática, em função da sujidade e da carga de roupa que colocou no tambor.
  • A roupa sai muito bem enxaguada, completamente livre de detergente, no programa de algodão. No programa de sintéticos não alcança esta eficácia de enxaguamento, mas, mesmo assim, grande parte do detergente é retirada da roupa.
  • Há alguma poupança em eletricidade no programa de algodão. O consumo no programa de sintéticos é muito semelhante com ou sem o “i-DOS” ativado.

Pontos fracos

  • Não notámos grandes diferenças no consumo de água. A este nível não se revelou poupança.
  • O preço superior a € 1000 pode ser demasiado elevado só para ter esta função.

Imprimir Enviar por e-mail