Notícias

Máquinas de café multibebidas à prova

19 outubro 2015

19 outubro 2015

As máquinas do teste garantem cappuccino e latte macchiato de grande qualidade e aspeto irresistível, com uma camada de espuma de leite boa e cremosa.

Início

As máquinas multibebidas testadas produzem excelentes e apetitosos cappuccinos e latte macchiato. Também permitem confecionar chocolate quente e várias variedades de chá, por exemplo. Mas não testámos estas bebidas: a composição das cápsulas, muito diferente, não permite comparações diretas.

Se procura uma máquina só de café expresso ou de multibebidas, veja o teste a mais de 90 modelos

Cappuccino vs latte macchiato: ambos com 3 níveis (expresso, leite quente e camada de espuma de leite). A diferença é o volume: 150 a 180 ml para o cappuccino (à esquerda) e 200 a 300 ml no macchiato.
Cappuccino vs latte macchiato: ambos com 3 níveis (expresso, leite quente e camada de espuma de leite). A diferença é o volume: 150 a 180 ml para o cappuccino (à esquerda) e 200 a 300 ml no macchiato.

Nas máquinas multibebidas, basta carregar no botão. Embora possa fazer cappuccino e latte macchiato em qualquer máquina com bico de vapor para produzir uma boa camada de espuma de leite, testámos os modelos que, além do tradicional café expresso, realizam estas bebidas de modo automático, ao carregar num só botão: Dolce Gusto, K-fee, Tassimo e Nespresso. As três primeiras vendem cápsulas próprias para cappuccino ou latte macchiato, com leite em pó ou creme de leite (na Tassimo) integrado. Nas máquinas Nespresso, além da cápsula de café, tem de adicionar leite num reservatório e carregar no botão que gera automaticamente o cappuccino ou o latte macchiato. Esta tem a vantagem de poder adicionar substitutos de leite (bebida de soja, por exemplo), em caso de intolerância à lactose.

Cremosas e saborosas
No volume, não detetámos grandes desvios face ao definido para cappuccino e latte macchiato, sobretudo nas máquinas Nespresso e Tassimo. Todas as máquinas permitem ajustar o volume em função da preferência.

Os resultados nas provas de degustação foram positivos. Para cappuccino, a Dolce Gusto destaca-se com o melhor sabor e aroma. Já o latte macchiato preferido é o da Nespresso: além do sabor, os provadores elogiam o aspeto visual e a boa camada de espuma, compacta e cremosa. O K-fee macchiato é o mais rápido e barato do teste, mas o sabor pouco pronunciado e menos encorpado agradaram menos ao júri. Para ajudar na escolha, veja o zoom nos resultados de cada marca.

Cappuccinos cremosos da Dolce Gusto, Nespresso, K-fee e Tassimo. O mais apreciado pertence à Dolce Gusto (primeiro à esquerda).
Cappuccinos cremosos da Dolce Gusto, Nespresso, K-fee e Tassimo. O mais apreciado pertence à Dolce Gusto (primeiro à esquerda).
Latte macchiato da Dolce Gusto, Nespresso, K-fee e Tassimo. O segundo, da Nespresso, conquistou o júri.
Latte macchiato da Dolce Gusto, Nespresso, K-fee e Tassimo. O segundo, da Nespresso, conquistou o júri.