Dicas

Dicas para fazer café e cappuccino em casa

Fazer um café expresso ou um cappuccino é uma arte que requer prática. Leia as nossas dicas para tirar o máximo partido da máquina de café que tem em casa.

04 julho 2022
Bebida de café

iStock

O tipo de máquina que tem em casa tem impacto nas bebidas de café que prepara, mas a qualidade e a temperatura da água também são essenciais. Explicamos como preparar um bom café expresso ou um cappuccino.

Use água de qualidade

A qualidade da água que usa na sua máquina de café pode afetar a qualidade do café. Uma água de elevada dureza (muito calcária) deixará a sua marca do sabor do café. Mas o processo varia também de acordo com a temperatura da água; quanto tempo a água fica em contacto com o café; e o moinho usado para moer os grãos.

Aqueça a água à temperatura ideal

A melhor temperatura de água para tirar um café varia entre 91 e 92°C. Água muito quente ou que demora muito a passar pelo café pode resultar num café de sabor amargo. Já água muito fria ou que passa pelo café muito rapidamente pode dar origem a um café fraco e com pouco sabor.

Escolha uma máquina de café à sua medida

Os nossos testes a máquinas de café têm demonstrado que por muito boas que sejam as técnicas utilizadas para fazer café, se a máquina for de má qualidade, acabará por beber um café dececionante. Portanto, escolha a melhor máquina de café para as suas necessidades:

  • Máquinas de café em cápsulas: ideais para quem deseja uma preparação rápida com o mínimo esforço.
  • Máquinas de café automáticas: úteis para quem gosta de café acabado de moer, mas quer uma máquina que faça todo o trabalho.
  • Máquinas manuais/tradicionais: as melhores para quem deseja ter o maior controlo possível na preparação do café.

Antes de escolher, veja os resultados dos nossos testes e compare modelos.

VER TESTE A MÁQUINAS DE CAFÉ

5 passos para tirar um bom café expresso

1. Prepare a máquina de café

Independentemente do tipo de máquina de café que tenha, não deve saltar este passo. Encha o depósito com água limpa e fria. Coloque um copo vazio na bandeja de gotejamento sob o bico. Ligue a máquina de café e pressione o botão “start” como se estivesse a tirar um café expresso. A água será bombeada pela máquina de café e pelo bico. Este processo elimina a borra restante do último café. Além disso, aquece a água, deixando-a à temperatura ideal para o café. Se a água não sair límpida, repita o processo até que fique límpida.

2. Escolha o café certo

Se usar um mau café, é impossível obter um bom expresso. Se a moagem for muito fina ou muito grossa, o café não será extraído adequadamente e o resultado final ficará aquém das expectativas.

Numa máquina de café manual/tradicional, para fazer um bom café expresso precisa de um café forte e torrado que seja finamente moído para que a água possa ser empurrada na velocidade certa para obter o melhor sabor. Procure café moído rotulado como expresso ou especificamente para uso em máquinas de café tradicionais. Em alternativa, compre grãos inteiros e moa em casa.

Numa máquina de café automática pode ajustar a moagem ao seu gosto. Contudo, esteja ciente de que uma moagem muito fina pode entupir a máquina. Deve fazer ajustes durante a moagem para evitar danos no equipamento. Alguns modelos também alertam contra grãos torrados mais oleosos, que podem entupir a máquina.

Por fim, numa máquina de café em cápsulas, tudo o que precisa de fazer é comprar uma cápsula que ofereça a intensidade de torra que procura e que seja compatível com a sua máquina.

3. Meça o café

Se tem uma máquina de café manual, esta traz uma colher medidora para que seja fácil saber quanto café usar. O ideal é cerca de sete gramas de café moído para um café expresso. Use entre oito e nove gramas se deseja um sabor mais forte ou 14 gramas se pretende um expresso bem cheio ou dois expressos.

Antes de colocar o café, verifique se o cesto do filtro está bem limpo. Coloque o café no cesto e pressione-o com o calcador (geralmente fornecido em conjunto com a máquina ou na outra extremidade da colher medidora). É importante que o café seja pressionado uniformemente no cesto para que fique relativamente compacto e tenha um topo nivelado. Isso permite que a água se espalhe uniformemente. Não exagere, pois se estiver muito compactado impedirá uma extração adequada. Encaixe o porta-filtro na máquina.

Se tiver uma máquina de café automática, este trabalho será feito por si. Tudo o que precisa de fazer é colocar os grãos de café na máquina e ela moerá e dispensará a quantidade correta. Já numa máquina de cápsulas, basta escolher a cápsula e colocá-la na máquina.

4. Aqueça a chávena se gostar de café bem quente

Se tiver um aquecedor de chávenas integrado na máquina, use-o. Se não tiver, encha a chávena com água quente antes de tirar o café. Este processo ajuda a manter a temperatura do café durante a extração. Se o café cair numa chávena fria, arrefecerá mais rapidamente. 

5. Extraia o café

Depois destes passos, pode tirar o café. Na maioria das máquinas basta pressionar um botão, mas o tempo de extração varia de modelo para modelo, podendo demorar até 30 segundos se a máquina já estiver a precisar de ser descalcificada.

3 passos para tirar um bom cappuccino

Um cappuccino saboroso deve ter uma textura leve e uma espuma de leite com bastante ar. Siga estes passos.

1. Prepare a máquina de café

Caso a sua máquina tenha essa configuração, mude-a para a configuração cappuccino, que aumenta a temperatura da água e cria vapor. Retire a água que sai do tubo de vapor para um copo vazio, ligando brevemente a válvula de controlo do tubo de vapor.

2. Faça espuma de leite

Para fazer uma espuma de leite com uma textura agradável para o seu cappuccino, é melhor usar um copo ou chávena de metal, uma vez que estes aquecem mais rapidamente do que os de cerâmica. Encha-o até cerca de dois centímetros e meio de altura com leite frio. Depois, ligue o tubo de vapor e segure o copo por baixo, permitindo que o vapor sopre no leite. Mova o copo suavemente para cima e para baixo. Este movimento aumenta o volume de ar no leite. Deve ouvir um ruído agudo enquanto o processo continua. Se ouvir um “rosnado”, pare imediatamente: o leite está a aproximar-se do ponto de ebulição e, se isso acontecer, perde o ar. Não desanime se não sair bem à primeira tentativa. Este processo exige prática.

Alguns modelos de máquinas de café em cápsulas contam com um tubo de vapor para fazer espuma manual, já noutros é necessário ter um dispositivo separado para fazer espuma de leite. Algumas marcas de cápsulas, como Dolce Gusto, Pingo Doce e Tassimo, têm cápsulas de leite pré-preparadas. Nas máquinas de café automáticas, alguns modelos têm um tubo integrado e basta seguir as instruções acima. Outras fazem espuma automaticamente e basta adicionar o leite ao reservatório.

Se a sua máquina não tem nenhuma destas opções, considere comprar um batedor elétrico ou a pilhas para fazer espuma de leite e adicionar às suas bebidas.

3. Misture a espuma de leite e o café

Na etapa final, adicione a espuma de leite ao café expresso previamente preparado. Comece por juntar o leite aquecido ao café. Depois, use uma colher para transferir a espuma.

Junte-se à maior organização de consumidores portuguesa

A independência da DECO PROTESTE é garantida pela sustentabilidade económica da sua atividade. Manter esta estrutura profissional a funcionar para levar até si um serviço de qualidade exige uma vasta equipa especializada.

Registe-se para conhecer todas as vantagens, sem compromisso. Subscreva a qualquer momento.

Junte-se a nós

 

O conteúdo deste artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais com o consentimento expresso da DECO PROTESTE, com indicação da fonte e ligação para esta página. Ver Termos e Condições.