Notícias

Obrigações do Benfica podem valer a pena

07 maio 2019 Arquivado
Obrigações do Benfica: muito risco, pouca remuneração

07 maio 2019 Arquivado
A SAD do S.L. Benfica lançou as novas obrigações Benfica SAD 2019-2022 e propõe também a troca para quem já tenha obrigações 2017-2020. Saiba se deve investir.

A SAD do S.L. Benfica emitiu uma nova série de obrigações, com uma taxa bruta de 3,75 por cento. A Taxa Anual Efetiva Líquida (após impostos) é de 2,72 por cento. Simultaneamente, está a propor a troca das obrigações 2017-2020 pelos novos títulos. O período de subscrição começou a 3 de maio e termina a 16 de maio.

Até agora, a PROTESTE INVESTE não tem aconselhado a compra de títulos SAD, sobretudo devido ao risco elevado do negócio do futebol. Mas esta emissão da Benfica SAD está globalmente em linha com emissões de dívida de alto risco comparáveis. Reconhecemos que houve uma evolução positiva considerável nas contas do Benfica nos últimos anos e, mesmo corrigindo algumas “engenharias financeiras”, o endividamento da SAD reduziu-se consideravelmente. O risco é elevado, à semelhança de outros produtos, mas esta pode ser uma opção de investimento sob algumas condições. 

Desde logo, é preciso aceitar o risco muito elevado e ter a certeza de que não irá necessitar do capital antes do final do prazo (3 anos). Mesmo para esse perfil de investidor, a posição deverá ser inserida numa carteira diversificada e nunca deve representar mais do que 5% dos seus investimentos.

Veja a análise completa no site PROTESTE INVESTE.