Notícias

Não perca o dinheiro da raspadinha

A raspadinha é o jogo mais popular da Santa Casa da Misericórdia. Todos os anos gastam-se milhares de euros neste entretenimento facilmente viciante. A PROTESTE INVESTE mostra como perceber este jogo.

  • Dossiê técnico
  • André Gouveia
  • Texto
  • Manuel Ribeiro e Filipa Nunes
16 outubro 2018
  • Dossiê técnico
  • André Gouveia
  • Texto
  • Manuel Ribeiro e Filipa Nunes

Nuno Semedo

As lotarias, como a raspadinha ou o euromilhões, não são um investimento. Aliás, o mais provável é perder todo o dinheiro apostado. A raspadinha é um entretenimento apreciado por muitas pessoas que jogam pelo “shot” de dopamina que é libertado no cérebro quando sai um prémio. Apesar de proporcionar ganhos frequentes — mais imediatos do que o euromilhões — torna-se rapidamente viciante. Resista a permitir-se jogar de forma sucessiva, conheça melhor as regras do jogo e saiba como minimizar as perdas.

As raspadinhas não são todas iguais

Cada raspadinha é um jogo, em que é emitido um determinado número de bilhetes. Destes, só alguns têm prémio. Quantos mais bilhetes existirem com prémio, mais fácil será ganhar. Mas, regra geral, o maior número de prémios é compensado pelo menor valor dos mesmos. Por outras palavras, as raspadinhas que prometem o maior prémio são as mais difíceis de encontrar porque têm menos tiragem. 

Por isso, quando raspar, procure pelas que “prometem” um prémio menor. E não se esqueça que se trata de um jogo cuja probabilidade de ganhar o maior prémio é, quase sempre, “uma num milhão”.

Qual raspadinha escolher?

Existem dezenas de raspadinhas diferentes disponíveis (no site da Santa Casa contámos mais de 70). Quando pegar numa raspadinha, vire-a e leia o regulamento. Preste especial atenção à percentagem do capital emitido distribuído como prémio. Quanto maior, melhor. Mais dinheiro está disponível para os apostadores.

Outro fator a ter em conta é a probabilidade de ganhar um prémio: quanto mais baixo for este número, melhor.

Se conhece alguém que gasta muito dinheiro em raspadinhas, diga-lhe que há um “jogo” melhor. Bastam 10 euros por semana, e não só não perde tudo constantemente, como há 10 anos que tem sido sempre a ganhar. Conheça os conselhos da PROTESTE INVESTE sobre os melhores investimentos para o seu dinheiro.

 

Este artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais se for indicada a fonte e contiver uma ligação para esta página. Ver Termos e Condições.