Notícias

$name

A inflação é o principal inimigo das poupanças em que, muitas vezes, os rendimentos não chegam para cobrir a subida do custo do nível de vida e o dinheiro perde valor. As previsões da inflação para 2015, segundo o Banco de Portugal, apontam para 1%. A maior parte dos depósitos atuais deverá proporcionar rendimentos reais negativos, especialmente nas grandes instituições, que têm atualmente taxas bastante baixas. Não aceite depósitos com taxas brutas inferiores a 1,4% (1% líquida). Em média, um depósito de 5000 euros a um ano rende 0,7% líquidos, ficando muito abaixo da inflação esperada. 

Além disso, prefira os prazos mais alargados, pois as taxas poderão ainda continuar a descer nos próximos meses. A 12 meses, as taxas variam entre 2,3% (Privatbank) e 0,1% (Deutsche Bank). No Privatbank, tanto o Depósito “Clássico” como E-Depósito “Clássico” proporcionam a mesma remuneração. Mas já sabe que os depósitos desta instituição não estão ao abrigo do fundo de garantia dos depósitos nacional, mas sim da Letónia. Além disso, os juros são pagos numa conta cartão. 

Consulte as melhores ofertas de depósitos a um, três, seis e 12 meses no portal PROTESTE INVESTE.