Notícias

Cartão de crédito: aproveite as vantagens

26 outubro 2020
dois cartões de crédito em cima de dois passaportes

Além de pagamentos e levantamentos em dinheiro, o cartão pode oferecer assistência médica e seguro de bagagem. Leia as condições do contrato de adesão.

Nalguns países, os estabelecimentos comerciais e caixas automáticas aceitam melhor os cartões Visa do que os Mastercard ou vice-versa. Para obter informações sobre a aceitação do cartão no estrangeiro, pergunte ao seu banco. Pode também consultar os sítios na Internet das redes Visa, Mastercard e American Express.

Respostas a dúvidas sobre o cartão de crédito

Prefira os pagamentos aos levantamentos em dinheiro

Durante a sua estada no estrangeiro, é provável que utilize mais o cartão para pagar, por exemplo, os bilhetes de avião ou de comboio, o hotel e as refeições. Para não esgotar o plafond, peça ao seu banco um aumento temporário, válido pelo período acordado.

Regra geral, o cartão é válido por 2, 3 ou até 4 anos. A data-limite é indicada na frente, com mês e ano. Por exemplo: válido até: 10/20. Neste caso, o cartão é utilizável até ao último dia de outubro de 2020. A partir do primeiro dia de novembro é recusado em qualquer operação. Se partir de viagem no final de outubro ou início de novembro, confirme junto do banco que receberá o novo cartão a tempo.

Leve consigo os números da entidade emissora, útil para pedir o cancelamento do cartão em caso de perda ou roubo, e da assistência médica ou seguradora, que figuram no contrato de adesão. Poderá precisar destes contactos para o repatriamento médico ou ativar um eventual seguro de perda de bagagem.

Privilegie os pagamentos com cartão. No Espaço Económico Europeu (em euros, coroa sueca e leu romeno) são gratuitos: Bélgica, Alemanha, Grécia, Espanha, França, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Países Baixos, Áustria, Portugal, Finlândia, Eslovénia, Chipre, Malta, Eslováquia, Estónia, República Checa, Dinamarca, Letónia, Lituânia, Hungria, Polónia, Suécia, Reino Unido, Bulgária, Roménia, Croácia, Islândia, Noruega e Liechtenstein. Embora os pagamentos sejam gratuitos, poderão ser cobrados custos com conversão cambial.

Acabou o dinheiro que levava no bolso e precisa de mais algum para as pequenas despesas diárias? O melhor é levantar algumas notas num caixa automático (ATM). Faça-o com o cartão de débito, já que tem menos custos do que o de crédito. Fora da zona euro, evite retirar pequenas quantias de cada vez, pois é mais caro. Esta operação implica uma comissão fixa. Quanto mais vezes recorrer à máquina, mais paga. A maioria dos bancos cobra ainda uma comissão variável sobre a transação, à qual acresce imposto de selo.

Se, por algum motivo, não puder levantar dinheiro no Multibanco, resta-lhe a alternativa mais cara: levantar com o cartão de crédito ao balcão de um banco (cash-advance). Na zona euro, estão sujeitos a comissões uniformes, mas, fora dela, o banco pode cobrar taxas específicas, que variam com o país.

Pague com cartão para beneficiar do seguro

Alguns cartões incluem seguro para indemnizá-lo das despesas com produtos de primeira necessidade, caso as bagagens cheguem com atraso. Para tal, a viagem tem de ser paga com o cartão. Se ficar doente ou ferido, nalguns casos, pode beneficiar de assistência médica e repatriamento. Para conhecer as condições e respetivas exclusões, consulte o contrato de adesão.

Quando fizer um pagamento, certifique-se de que é passado num único equipamento, para não ser clonado. Se lhe pedirem para repetir a operação, faça-o apenas se o terminal apresentar uma mensagem em como a anterior foi anulada. Exija um comprovativo.

Caso venha a perder o cartão, este se extraviar ou lhe for roubado, contacte de imediato a entidade emissora (Unicre: 00 351 213 159 856), a SIBS, Sociedade Interbancária de Serviços (00 351 217 918 780) ou o banco. Para facilitar, tenha à mão o número do seu cartão e da conta que lhe está associada, bem como o nome da entidade emissora. Avise também as autoridades e peça uma prova desta participação. Alguns emissores exigem-na para acionar o seguro do cartão.