última atualização: 26/11/2020

Energia Solar EDP com novas regras. Verdade ou não?

Em agosto de 2020 fui contactado por um comercial da EDP que pretendia verder-me a solução de Energia Solar EDP.

De entre as principais vantagens, salientou 2:

1. Desde março de 2020, a energia que os painéis solares produzirem para além do autoconsumo da minha casa é "depositado" rede e eu receberei um abatimento na fatura da eletricidade correspondente ao "depósito" de energia que foi feito.

2. Redução de 50% numa taxa designada CIEG (Custos de Interesse Económico Geral).

Alguém me sabe dizer se isto é verdadeiro ou quanto de verdade há nisto?

Obrigado,

Cesar Analide

User name

Junte-se a esta conversa

Participe nesta conversa, deixando o seu comentário ou questão em Produzir eletricidade da comunidade Energias Renováveis

13 Comentários

Filtrar por :
Faça login para aceder a este conteúdo. 
26/10/2020

Tenho paineis solares para aquecimento de águas. 100% contente. Queria saber se a EDP é hoje a melhor solução para Painéis foto voltaicos para produção de energia ? Tenho conhecimento de um caso de demora na instalação dos mesmos. E preços como é? Obrigado

Faça login para aceder a este conteúdo. 
17/11/2020
, Respondeu:

Bom dia Augusto,
Os sistemas comercializados pela EDP possuem o custo acima da média de mercado, o que é um forte ponto negativo, além de possuir pouca flexibilidade em relação aos equipamentos (só comercializam painéis de 270Wp, por exemplo). Recomendo solicitar cotações das empresas da sua região, para poder fazer comparações diretas.
Cumprimentos,

Faça login para aceder a este conteúdo. 
26/11/2020
, Respondeu:

Será possível mencionar dois ou três nomes de Empresas de confiança? Muito Obrigado

Faça login para aceder a este conteúdo. 
26/11/2020
, Respondeu:

Boa tarde Augusto,
Não sei qual a zona em que moras, porém se estiver próximo à Lisboa, recomendo a Concept Renováveis.
Cumprimentos,

Faça login para aceder a este conteúdo. 
03/11/2020
, Respondeu:

Bom dia,
Sugerimos que contacte duas a três empresas e solicite uma visita técnica para avaliação das condições de instalação e definição do tipo de sistema que melhor se adapta aos seus consumos elétricos.
E desejar, posteriormente, poderemos ajudar na sua escolha que deve ter em conta as características técnicas dos equipamentos propostos e obviamente o valor do investimento.
Pode também consultar o nosso simulador em: https://www.deco.proteste.pt/casa-energia/energias-renovaveis/testes/paineis-fotovoltaicos
Cumprimentos,
Equipa das energias renováveis

Faça login para aceder a este conteúdo. 
21/10/2020

Boa tarde,
Também já ouvi falar num abatimento, calculado não sei bem como e a EDP , meu fornecedor, também não sabe, dado que existe um outro entidade que é o verdadeiro fornecedor e responsável pelas medições e contdores. O consumidor, que tem o contador ( no meu caso ultra moderno) não consegue comprovar estes abatimentos, logo o que fornece à rede. Continuamos nas mãos dos poderosos.
A Melo

Faça login para aceder a este conteúdo. 
05/10/2020

bom dia queria saber que eu no dia 29 de Setembro dou a contagem da luz e me deram a estimativa de 80 euros normalmente pago todos os meses entre 70 e 80 euros não tenho nada em atraso e este mes tenho uma conta de 232 euros fui ver e não vate certo com a contagem que dei eu vou Cesar o pagamento posso o fazer

Faça login para aceder a este conteúdo. 
12/10/2020
, Respondeu:

Bom dia Armando,

Aconselhamos a que primeiro analise as condições do seu contrato de fornecimento de energia, porque a falta de pagamento poderá ter outras implicações.

De qualquer das formas poderá também efetuar uma reclamação no livro de reclamações nas instalações do seu fornecedor, na ERSE (Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos) e no próprio site da DECO (https://www.deco.proteste.pt/reclamar).

Se lhe for mais fácil pode entrar em contacto com os nossos juristas através do número: 211 215 750.

Obrigado, 
Equipa Energias Renováveis

Faça login para aceder a este conteúdo. 
09/10/2020
, Respondeu:

Olá Armando, 

Agradecemos o seu contacto, mas faltam-nos dados para dar uma resposta completa para a sua situação.

Concretamente, se comunicou os consumos dentro do prazo definido pelo operador ou se a fatura em causa resulta de um acerto de leituras anteriores.

Antes de mais, deve apresentar uma reclamação por escrito junto do seu operador com a máxima brevidade expondo a situação e evidenciando os documentos que menciona. O valor desta fatura é superior a 25% do valor médio das faturas dos últimos 6 meses pelo que nos relata.

Caso este facto se deva a um acerto de valores relativo a faturas anteriores, deve referir o facto na sua comunicação e desde logo solicitar o fracionamento do pagamento. O operador tem 15 dias para responder à sua reclamação, durante este prazo o pagamento fica suspenso.

Cancelar uma ordem de débito direto não cancela o contrato, o operador irá por certo proceder à cobrança do valor de outra forma. Sugerimos que inicie o processo com a reclamação por escritos, como mencionado.

Obrigado, 
Equipa Energias Renováveis

Faça login para aceder a este conteúdo. 
21/09/2020

Bom dia Cesar Analide eu tenho 4 painéis solares da EDP para consumo domestico e a energia que e injetada (a energia que sobra naquela altura de produção) na rede da EDP eles nao me pagam nem um cêntimo que seja.
Disseram-me que se eu quisesse aproveitar essa energia teria que colocar baterias para armazenar essa energia que era injetada na rede da EDP para gastá-la durante a noite.
Espero ter ajudado para mais algum esclarecimento pode-me contactar.
Obrigado pela atenção.
Luciano Laranjo

Faça login para aceder a este conteúdo. 
29/09/2020
, Respondeu:

Olá Luciano, 

A energia excedente que é injetada na rede, e ao abrigo da legislação em vigor, pode ser paga pela EDP Distribuição ou por outro comercializador de energia, sem que para isso seja necessário o investimento em baterias.
O valor de compra ronda os 0,04 cêntimos por KWh produzido.

Esperamos ter esclarecido. Qualquer questão adicional, disponha. 

Obrigado, 
Equipa Energias Renováveis

Faça login para aceder a este conteúdo. 
07/10/2020
, Respondeu:

Bom dia Sílvia Silva obrigada pela informação vou contactar a ACEMEL para ver o que devo fazer.
Obrigado

Faça login para aceder a este conteúdo. 
04/09/2020

Relativamente ao primeiro ponto, para além de poder vender essa energia à empresa SU eletricidade, aconselhamos a contactar a ACEMEL (Associação de Comercializadores de Energia no Mercado Liberalizado) para que o informem de quais as outras empresas que atualmente também estão a celebrar contratos de compra de energia excedente produzida pelas Unidades de Produção de Energia (UPAC´S).

De referir que o valor a receber por KWh produzido é normalmente inferior a € 0,04, ou seja pode solicitar que o informem de qual o valor estimado a receber por mês, tendo em conta a quantidade de painéis aplicados versus o consumo elétrico da instalação.

Relativamente ao segundo ponto, essa informação está prevista no Despacho n.º 6453/2020, que estabelece as condições para a isenção dos encargos correspondentes aos Custos de Interesse Económico Geral (CIEG) que incidem sobre as tarifas de acesso às redes determinadas pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE).

A equipa Energias Renováveis

eu disclaimer

O projeto que deu origem a esta comunidade recebeu financiamento através do programa de investigação e desenvolvimento “Horizon 2020”, sob o contrato de subvenção nº749402. Nem a EASME nem a Comissão Europeia são responsáveis pela informação veiculada nem pela utilização das informações contidas na mesma.