última atualização: 23/04/2020

Kit autoconsumo

Boa noite. Estou a pensar instalar um kit para autoconsumo com painéis e inverter certificados, de aprox 800 watts e a questão que coloco é se o posso instalar eu, ou tem de ser um técnico certificado, para depois não ter problemas ao registar a instalação. Obrigado

User name

Junte-se a esta conversa

Participe nesta conversa, deixando o seu comentário ou questão em Produzir eletricidade da comunidade Energias Renováveis

8 Comentários

Filtrar por :
Registe-se em DECO PROTESTE para participar. Entrar
15/04/2020

Boa tarde
gostaria de conhecer a melhor solução para montar paineis fotovoltaicos

Registe-se em DECO PROTESTE para participar. Entrar
22/04/2020
, Respondeu:

Olá. Hoje em dia já há empresas que vendem tudo o que é necessário para a instalação. Painéis cabos inversor e estruturas. Se o sr gosta de bricolage e tem conhecimento básico em eletricidade é muito mais barato comprar um kit e montar. Força nisso

Registe-se em DECO PROTESTE para participar. Entrar
15/04/2020
, Respondeu:

obrigado Silvia vou começar a pedir orçamentos.
Obrigado
AF

Registe-se em DECO PROTESTE para participar. Entrar
07/02/2020

eu pretendo estalar um paquete completo para uma casa com 400m2 toda elétrica quanto poderia custar

Registe-se em DECO PROTESTE para participar. Entrar
12/02/2020
, Respondeu:

Olá Manuel, 

Agradecemos o seu contacto e participação nesta comunidade. 

Em relação a uma previsão de custos, não é possível dar-lhe valores. Contudo temos alguns conselhos para que possa dar início ao processo.

Comece por procurar instaladores locais e peça vários orçamentos para poder comparar. 

Conte com a nossa ajuda e a da comunidade para avaliar as várias propostas. 

Ficamos a aguardar novidades suas. 


Obrigada, 
Equipa Energias Renováveis

Registe-se em DECO PROTESTE para participar. Entrar
05/02/2020

Olá António,

Agradecemos a sua questão e participação na comunidade.

Entre 350W e 30kW a instalação está sujeita apenas a uma comunicação prévia à Direção Geral de Energia e Geologia.
Aconselhamo-lo a recorrer a entidades instaladoras com
alvará emitido pelo Instituto dos Mercados Públicos, do Imobiliário e da Construção, I.P. (http:// http://www.impic.pt), e a técnicos responsáveis pela execução de instalações elétricas que cumpram os requisitos de acesso ao exercício da atividade.

Para mais informações, leia também as nossas seis dicas para autoconsumo:
https://www.deco.proteste.pt/casa-energia/eletricidade-gas/noticias/autoconsumo-seis-dicas-para-saber-se-este-e-o-sistema-indicado-para-si

Obrigado,
Equipa Energias Renováveis

Registe-se em DECO PROTESTE para participar. Entrar
07/02/2020
, Respondeu:

Boas eu tambem pretendo instalar 2 paineis no total 550wats. A minha duvida mantem-se. É só fazer a comunicação a dgeg e instalar eu proprio os paineis.
O que mudou na lei de 2020.
Cumps.
C.Costa

Registe-se em DECO PROTESTE para participar. Entrar
13/02/2020
, Respondeu:

Olá Carlos,

As atuais regras de funcionamento constam do Despacho n.º 46/2019 da DGEG e do novo Portal do Autoconsumo e das CER, e estão definidas deste modo:

Autoconsumo individual:

Mera Comunicação Prévia (MCP): potências ≤ 30 kW

UPAC: potências > 30 kW e ≤ 1000 kW

Autoconsumo coletivo:

Comunidades de energia renovável (CER)
A instalação elétrica de UPAC é obrigatoriamente executada por uma Entidade Instaladora de instalações elétricas de serviço particular ou por um Técnico Responsável de instalações elétricas de serviço particular, tal como definido no Decreto-Lei n.º 162/2019, de 25 de outubro, na Lei n.º 14/2015, de 16 de fevereiro e no Decreto-Lei n.º 96/2017, de 10 de agosto, na sua redação atual.

No seu caso, apesar de não necessitar de inspeção, necessitará sempre de fazer a MCP (mera comunicação previa), onde consta um campo de preenchimento com termo de responsabilidade do técnico/empresa responsável pela instalação elétrica com certificado/alvará emitido pela entidade DGEG.

Esperamos ter esclarecido.

Caso tenha alguma questão adicional, disponha.

Obrigado,
Equipa Energias renováveis

eu disclaimer

O projeto que deu origem a esta comunidade recebeu financiamento através do programa de investigação e desenvolvimento “Horizon 2020”, sob o contrato de subvenção nº749402. Nem a EASME nem a Comissão Europeia são responsáveis pela informação veiculada nem pela utilização das informações contidas na mesma.