última atualização: 22/06/2018

Aquecimento a central a pellets Vs. A/C

Boas

Gostaria de saber o que fica mais económico e eficiente.

Vivo numa moradia germinada de 3 pisos. Tenho pré instalação de AC e de aquecimento central. A minha duvida é se é mais barato e rentável instalar o aquecimento central com caldeira a pellets, ou se instalo um bom A/C.

Caso opte pela situação de AC, provavelmente irei optar por colocar paineís solares fotovoltaicos com bateria

Junte-se a nós

Esta informação foi útil e ajudou-o? Para apoiar a nossa comunidade, registe-se no site. É gratuito, demora menos de um minuto.

  • Pode perguntar e pedir conselhos
  • ler as contribuições dos nossos membros
  • dar o seu contributo 
  • receber o feedback de um especialista em energias renováveis.

Registe-se em DECO PROTESTE para participar.
Entrar ou Registar

Comentários

Melhor resposta
User name Moderator
Bruno Miguel | Moderador
22/06/2018
Melhor resposta

Olá Daniel,


Ambas opções têm um custo muito competitivo. O Ar condicionado (A/C), quando utilizado em regime de tarifa simples ou em horário de cheio ou ponta, tem uma relação de custo/produção (€/kWh) ligeiramente mais elevado, em comparação a pellets. O €/kWh é volátil dependendo do coeficiente de performance (COP) e a qualidade do equipamento na produção de calor.


Se tivermos em conta o custo atual do fornecimento de energia, a relação entre o preço e o poder calorífico — se usar pellets — situa-se entre os 0,05 - 0,06 €/kWh. Enquanto que, com o A/C o custo ronda os 0,06 - 0,07 €/kWh, para horas de cheia/ponta.


Já tendo a pré-instalação de ambos os equipamentos, deve ter em consideração o investimento que terá de fazer. Por este ponto de vista, e querendo o Daniel instalar aquecimento em várias divisões, o A/C multisplit poderá ter um custo mais elevado. Contudo, terá a vantagem de poder aproveitar a energia produzida de um possível investimento em painéis fotovoltaicos para produção de ar quente e frio.


Hoje em dia, o investimento em baterias não se traduz num retorno significativo, sendo prática comum a instalação de um sistema de autoconsumo. Este sistema, dimensionado de acordo com o perfil diário de consumo do Daniel, traduz-se no decréscimo da sua fatura energética mensal com um investimento relativamente baixo.


Cumprimentos.
Equipa Energias Renováveis

eu disclaimer

O projeto que deu origem a esta comunidade recebeu financiamento através do programa de investigação e desenvolvimento “Horizon 2020”, sob o contrato de subvenção nº749402. Nem a EASME nem a Comissão Europeia são responsáveis pela informação veiculada nem pela utilização das informações contidas na mesma.