última atualização: 24/02/2021

Escolha opção p/ AQS e forma de calcular gastos energéticos.

Boa tarde a todos.

Desde já agradeço o vosso trabalho e ajuda nesta comunidade.

Ando à procura da melhor solução para aquecimento de águas sanitárias, e parece que quanto mais leio mais dúvidas fico, principalmente por não saber fazer os cálculos necessários para saber o custo energético fase ao retorno de investimento.

Situação: 

  • Estamos a fazer remodelação de moradia de 1988, tinha um termoacumulador de 75L (já velhinho, deve ter uma classe energética alta);
  • Não há gás natural a passar na rua (uso de botija está fora de questão);
  • Somos um casal (para já sem filhos) mas pensamos ter até 2 filhotes :D (por isso vou fazer as contas já para 4). Sendo que eu a maior parte do ano só tomo banho em casa ao fdsemana.
  • Aqui começa logo as dúvidas dos litros para o deposito, já vi a regra de 40L por pessoa, já vi muito a colocarem 300L para 4 a 5 pessoas. O que é aconselhável? Estou inclinado para os 300L para os dias de maior afluência em casa, sabendo que terei visitas no futuro, e assim não estarmos preocupados se há água quente ou não.

Como dito em cima, estamos a ponderar várias soluções, que vão depender de como fazer o cálculo de gasto enérgico anual vs o retorno económico de cada uma, esta parte não estamos por dentro do assunto, e pedimos ajuda de como calcular para os seguintes casos a ponderar:

Opções:

  1. Termossifão com apoio de resistência para ganhar espaço na casa de banho (onde se encontra o antigo termoacumulador); 
  2. Painel solar fotovoltaico (para produção de energia) e termoacumulador (Já se começa a ver aconselhar este tipo de soluções fase ao solar térmico).
  3. Bomba de calor (a verificar área técnica necessária), que seria apoiada à posterior por painel FV
  4. Mudar só o termoacumulador, para um normal, inteligente ou hibrido, sendo que estes últimos já tem um preço acrescido fase aos outros. 
  5. Ainda há o "solar" termodinâmico, mas o preço também parece acrescido fase a outras soluções, mas com bom rendimento energético fase à BC normal. (COP nas ordens dos 6)

Um muito obrigado a todos que perderem o seu tempo em me ajudar. :D  :D :D

User name

Junte-se a esta conversa

Participe nesta conversa, deixando o seu comentário ou questão em Aquecer água da comunidade Energias Renováveis

2 Comentários

Filtrar por :
Faça login para aceder a este conteúdo. 
23/02/2021

Bom dia Sr.ª Amélia Rocha,
Relativamente às opções que colocou informo:

1) Sempre que possível deve evitar a utilização de termoacumulador para aquecimento das AQS, pois a resistência elétrica não é um equipamento energeticamente eficiente. A opção de um termoacumulador hibrido é interessante, mas terá de ter em atenção ao local onde o vai aplicar, que no mínimo deve ter 13m3;
2) A utilização de coletores solares térmicos faz com que consiga uma redução de cerca de 75% no aquecimento das AQS e como pretende ganhar espaço no WC, esta pode ser a sua melhor opção. Deve ter em atenção que a resistência elétrica de apoio deve ser acionada por um relógio programador, para que assim nas horas de sol, a mesma não esteja ligada. Visto que o sistema irá funcionar por termossifão, não necessita de energia elétrica para o seu funcionamento e é um equipamento que tem muito pouca manutenção;
3) Para a utilização de uma bomba de calor (BC) necessita de espaço para a colocação do depósito. Dependendo das marcas, a BC pode funcionar como monobloco, ou seja o compressor estará localizado no topo do depósito, ou então o compressor fica colocado no exterior e assim a altura do depósito será menor. Ter em atenção que na solução do monobloco e caso não tenha uma área suficiente, irá necessitar de tubagens de ar para o exterior, que em algumas marcas, a dimensão dos tubos tem 160mm. A esta solução podem ser interligados coletores solares térmicos, para redução do consumo de eletricidade, que funcionaram por circulação forçada.
4) A produção de energia por painéis fotovoltaicos, deve ser feita para toda a habitação e assim todos os equipamentos elétricos irão aproveitar essa energia. Sempre que possível deve interligar essa produção ao quadro elétrico principal ou a um quadro elétrico parcial que tenha noutro local.

Cumprimentos,
Equipa das energias renováveis

Faça login para aceder a este conteúdo. 
24/02/2021
, Respondeu:

Boa noite,

PEDRO PAMPULHA muito obrigada pela resposta.

Infelizmente (porque para a tecnologia que é continuam a levar balúrdios) vou ter que ir para o TS com apoio de resistência. Não há espaço para a BC.

eu disclaimer

O projeto que deu origem a esta comunidade recebeu financiamento através do programa de investigação e desenvolvimento “Horizon 2020”, sob o contrato de subvenção nº749402. Nem a EASME nem a Comissão Europeia são responsáveis pela informação veiculada nem pela utilização das informações contidas na mesma.