Guia de compras

Bombas de calor para climatização: o que são?

18 junho 2020
Homem a instalar ar condicionado

Também conhecidos como aparelhos de ar condicionado, estes eletrodomésticos são uma das soluções mais rápidas, confortáveis e eficientes de climatizar um espaço.

Qual é a potência de que preciso

É uma questão de equilíbrio. Se o ar condicionado tiver uma potência inferior às necessidades da divisão a climatizar, não conseguirá atingir as temperaturas desejadas e trabalhará em esforço. Mas se tiver uma potência muito superior o funcionamento não será o mais eficiente. Por isso, tenha em conta o clima da sua casa (janelas com muita ou pouca exposição solar), o número de equipamentos elétricos existentes, a potência disponível no prédio e a dimensão das divisões.

Tendo em conta tudo isto, para o clima português e a construção típica, uma máquina de 9 mil BTU/h (2,5 kW) é suficiente para uma divisão de 18 a 20 m². Se a casa tiver muitas janelas viradas a sul ou oeste, muitos equipamentos elétricos ou, ainda, se o ambiente for húmido, poderá necessitar de um modelo de 12 mil BTU/h (3,5 kW).

Para salas com áreas superiores a 30 m², opte por modelos de 18 mil BTU/h (5 kW) ou por duas unidades de 9 mil BTU/h (2,5 kW). Fica mais caro, mas conseguirá uma melhor uniformização da temperatura e as máquinas serão menos ruidosas. Com esta opção, pode poupar se na primavera e no outono decidir apenas usar uma das duas unidades.

Para divisões até 12 m² chegam 7 mil BTU/h (2 kW). Contudo, se a janela estiver virada a oeste e receber muita radiação à tarde, já precisaria de 9 mil BTU/h.


Imprimir Enviar por e-mail