Como testamos

Sistemas fotovoltaicos: invista no melhor para poupar energia

03 setembro 2018
paineis fotovoltaicos

03 setembro 2018
Conheça os sistemas fotovoltaicos mais eficientes e descubra como encontramos as combinações de equipamentos com melhor desempenho. Pode poupar mais de 80 euros por ano na fatura da luz.

O sol quando brilha é para todos e porque não aproveitar esta fonte de energia inesgotável e limpa? Não só poupa algum dinheiro como proporciona um futuro mais limpo e verde às futuras gerações.

Um sistema fotovoltaico é constituído por um painel fotovoltaico e um inversor. Este último converte a eletricidade produzida pelos painéis e transforma-a de modo a ser consumida pelos equipamentos que tem em casa. Se o painel e inversor forem incompatíveis poderá não obter a eletricidade que pensa. No nosso simulador de sistemas fotovoltaicos pode descobrir as combinações de sistemas mais eficientes.

Para construirmos o simulador, utilizamos os dados recolhidos nos testes a 30 painéis fotovoltaicos e a 10 inversores que, combinados, indicam qual a melhor opção na geração de energia para autoconsumo. Recorremos ainda aos dados obtidos em testes anteriores para disponibilizar resultados de três zonas climáticas distintas de Portugal. A ferramenta será atualizada à medida que fizermos novos testes.

Equipamentos testados num laboratório independente

 Os componentes dos sistemas fotovoltaicos (painel e inversor) são testados separadamente. Começamos por inspecionar o modo como o produto é embalado e se sofreu alguma mazela durante o transporte. Fazemos o inventário dos produtos, classificando a marca, o modelo, a potência e as dimensões dos aparelhos.

 

Os painéis são testados de acordo com a norma IEC61215:2015 e observam-se vários parâmetros, como a potência de pico dos painéis após vários ciclos de exposição solar.

Verifica-se o isolamento dos painéis quando submersos em água – para prevenir eventuais choques elétricos ou curto-circuitos em dias de humidade moderada e/ou elevada.

Efetuam-se eletroluminescências aos painéis – uma espécie de “raio X” ao painel, capaz de descrever a condição e o estado de cada uma das células que compõem o painel fotovoltaico.

Nos inversores, medimos a sua eficiência e consumo em modo stand by. Colocamos o inversor numa instalação de teste, simulando um sistema fotovoltaico devidamente funcional.

Mais de 3500 combinações para encontrar o melhor sistema para si

Os resultados dos testes aos painéis e aos inversores são inseridos numa ferramenta de simulação numérica de sistemas fotovoltaicos.

Os resultados simulados por esta ferramenta geram numerosas combinações de sistemas fotovoltaicos (combinações de painéis solares + inversor), em diferentes localizações (3 para Portugal e 4 para Espanha).

Com a ajuda deste simulador pode saber quais as combinações que funcionam melhor e aquelas que não funcionam.

 

O projeto que deu origem a esta comunidade recebeu financiamento através do programa de investigação e desenvolvimento “Horizon 2020”, sob o contrato de subvenção nº749402. Nem a EASME nem a Comissão Europeia são responsáveis pela informação veiculada nem pela utilização das informações contidas na mesma.