Notícias

Leroy Merlin tenta recusar gerador na garantia

Apesar de o aparelho ter avariado seis meses após a compra, a loja não queria devolver o dinheiro por este já ter sido muito usado.

27 outubro 2017
garantia de gerador

Catarina e Vítor Faria

Seis meses depois de Catarina e Vítor Faria, de Torres Vedras, terem comprado um gerador a diesel R6000D Digital Redstone, na loja Leroy Merlin, de Alfragide, o aparelho deixou de funcionar. O casal levou o equipamento à loja para ser reparado e recebeu, via sms, um orçamento de 869,76 euros. Estranharam a situação, pois o aparelho estava ainda dentro da garantia, e contactaram a loja. O esclarecimento chegou através de e-mail, com uma carta anexada, em espanhol, que os informava de que a garantia do gerador era de dois anos ou de 500 horas de utilização, que estariam ultrapassadas.

Entretanto, o casal tinha urgência em conseguir um novo gerador para o sistema de energia solar doméstico. Catarina e Vítor já não queriam nenhum aparelho desta loja e pretendiam receber o dinheiro na totalidade. Pediram a nossa intervenção, através da plataforma Reclamar e interpelámos a loja. Reforçámos o facto de que qualquer bem móvel não consumível, como o gerador, tem uma garantia de 24 meses. Em poucas semanas, o caso ficou resolvido e a Leroy Merlin devolveu 1106,75 euros ao casal.

Se tiver um problema de consumo com uma empresa ou entidade, apresente o caso na nossa plataforma Reclamar. Pode encontrar casos semelhantes que ajudem a resolver a situação ou pedir a mediação dos nossos especialistas.

 


Imprimir Enviar por e-mail