Eventos

Brigadas Carbono dão aula interactiva

22 janeiro 2010

22 janeiro 2010

Alunos em Sintra ouviram atentamente dicas sobre eficiência energética e com entusiasmo experimentaram artefactos a simular as energias solar e eólica.

Ana Caldeira, engenheira do ambiente, explica a importância de poupar energia em nova sessão das Brigadas Carbono. A plateia é uma turma do 11.º ano da área de Artes, da Escola Secundária de Santa Maria, em Portela de Sintra. “O público juvenil já está muito sensibilizado para estas questões”, garante. Mas há sempre muito para aprender e questionar. Como, por exemplo, o mito de não se desligar as lâmpadas economizadoras.

Ana Caldeira
Ana Caldeira, da DECO, explica problemáticas das alterações climáticas e o que cada um pode contribuir em gestos diários de eficiência energética.

Aspirante a actor, Carlos Miguel, de 17 anos, preocupado com as questões ambientais e de eficiência energética, avança com uma solução para ajudar a sensibilizar a população com os seus dotes de representação: “Podia fazer um reclame. Quem sabe se um dia não serei uma figura importante e as pessoas seguirão o que eu digo”, equaciona. As questões ambientais sempre o preocuparam: “As alterações climáticas estão a avançar muito depressa. O clima está muito estranho”. Em casa, apaga as luzes desnecessárias, mas “confesso que me esqueço de tirar da ficha o carregador do telemóvel, mas a minha mãe alerta-me”.

Carlos Miguel, 17 anos
 
Maria do Carmo, 17 anos
     
“Podia fazer um reclame. Quem sabe se um dia não serei uma figura importante e as pessoas seguirão o que eu digo”, diz Carlos Miguel, 17 anos, que sonha ser actor.   “Apago as luzes das divisões vazias em casa. A única coisa que me esqueço é de desligar o carregador do telemóvel. Deixo-o ligado o dia todo. Mas agora vou mudar isso”, Maria do Carmo, 17 anos.

Maria da Conceição Pereira, de 47 anos, professora de inglês, salienta que os seus alunos estão motivados. “Estamos a dar a defesa do ambiente, temática transversal a todos os currículos. Os alunos estão muito sensibilizados para estes assuntos, pelo menos desde o 9.º ano. Por isso, achei interessante trazê-los a uma acção deste tipo”.

Experimentar as energias solar e eólica
Experimentar com os sentidos o princípio das energias solar e eólica, com pequenos artefactos: mini-aerogeradores, um avião e uma mascote movidos a energia solar.

 

As Brigadas Carbono têm mais sessões informativas na agenda. Consulte o calendário.


Imprimir Enviar por e-mail