Dicas

Condomínio: quem tem medo de ser administrador

17 novembro 2015

17 novembro 2015

Temida pela maioria, desejada por quase ninguém, a função de administrador de condomínio é, por vezes, difícil de preencher. Conheça as alternativas.

O administrador é eleito, por maioria simples, em assembleia de condóminos e o cargo tanto pode ser exercido por um condómino como por um terceiro.

Alternativas para quando ninguém quer assumir a função
A escolha de um administrador de condomínio tem de ser uma decisão pensada e sensata de modo a que as funções não sejam impostas. Contudo, a tarefa complica-se quando ninguém se mostra disponível para aceitar a tarefa. 

Não havendo voluntários para o cargo, a lei oferece-nos uma série de alternativas que se apresentam aos condóminos em forma de solução. A figura do administrador provisório é uma das soluções que, temporariamente, irá garantir o bom funcionamento do condomínio.

Também existe a hipótese de haver uma administração coletiva. Desta forma todas as funções inerentes ao cargo não recaem sobre uma só pessoa. Esta repartição de tarefas é uma boa opção nos edifícios com muitas frações autónomas ou os condóminos eleitos não tenham tempo suficiente para dedicar à função. 

Consulte o artigo completo no portal Condomínio DECO+ e fique a conhecer todas as soluções legais ao seu dispor caso se confronte com este problema.