Dicas

Colchão de espuma viscoelástica: prós e contras

Está a pensar comprar um colchão de espuma viscoelástica? Embora estejam disponíveis com vários tipos de densidade e firmeza, estes colchões podem não ser a melhor opção para todos. Analisamos os prós e contras e respondemos às principais dúvidas sobre este tipo de colchão.

homem a experimentar colchão de espuma viscoelástica

iStock

Os colchões de espuma viscoelástica surgiram nos anos 90, pela mão da TEMPUR®, a primeira marca a comercializá-los, aplicando o material desenvolvido pela NASA na década de 60 para aliviar a pressão sofrida pelos astronautas devido à força da gravidade durante a descolagem em viagens espaciais. Por garantir maior conforto e menor risco de desenvolvimento de feridas, este tipo de colchão começou por ser usado na área da saúde, por pessoas que tinham de ficar muito tempo na cama. Hoje, estão disponíveis para todos os consumidores.

Esta espuma tem um efeito de memória, cede facilmente e mantém a forma do corpo mesmo algum tempo depois de este já não estar em contacto com a sua superfície. Já o intervalo de preços para estes colchões não é muito diferente do de colchões de molas ou látex e dá para todas as carteiras, podendo ir de 100 euros até cerca de 2000 euros para um colchão de casal (160 centímetros de largura e 200 centímetros de comprimento). Mas será que este material é a melhor opção para todos os utilizadores? Os nossos testes mostram que, embora o argumento de elevado conforto usado pelos fabricantes seja verdadeiro, para uma maior adaptabilidade as superfícies mais firmes são melhores.

Espuma de memória ou viscoelástica: o que é?

A espuma de memória ou viscoelástica é feita a partir de poliuretano (PU), um material sintético derivado do plástico que permite formar um molde exato do corpo. Quando o removemos, vemos que este ficou “gravado” na superfície e que a espuma volta à forma inicial muito lentamente. Este material cede ao calor, molda-se ao corpo e quando nos mexemos comporta-se como um elástico. Esta é, aliás, uma característica frequentemente usada na publicidade para mostrar as virtudes da espuma viscoelástica, mas, na prática, o efeito é um pouco diferente, já que a camada viscoelástica não está em contacto direto com o corpo. Com exceção do TEMPUR®, muito mais caro do que os demais, a maioria dos colchões de espuma viscoelástica não tem o seu núcleo desse material, mas simplesmente uma camada de espuma viscoelástica que pode ter apenas um centímetro de espessura.

Nas imagens abaixo é possível ver a diferença entre um colchão com uma só camada de espuma viscoelástica e um colchão com maior espessura deste material.

 
A primeira camada é de espuma viscoelástica (1 centímetro).
 
 
Neste colchão, há uma primeira camada de espuma viscoelástica com 3 cm e uma segunda com 9 centímetros.

Vantagens e desvantagens dos colchões de espuma viscoelástica

Os colchões de espuma viscoelástica são hoje muito populares e, por isso, é colocada muita ênfase nas suas qualidades. Mas também há defeitos.

Pontos fortes

  • O peso reparte-se sobre a totalidade da superfície de contacto, resultando numa pressão menor em cada ponto e, assim, maior conforto, em especial nos ombros e nas ancas.
  • Adaptam-se a todos os tipos de estrados, por isso, não precisa de comprar uma cama nova se decidir comprar um colchão de espuma.

Pontos fracos

  • A superfície do colchão de espuma viscoelástica cede à pressão e não retoma de imediato a sua forma inicial. Por isso, quem se movimenta muito na cama vai perder algum impulso quando se quiser virar.
  • Por proporcionar maior contacto com o corpo, o ar não circula tanto, o que pode dar uma sensação de maior calor.

Um colchão de espuma viscoelástica precisa de ser virado? 

Regra geral, não se recomenda virar os colchões com efeito viscoelástico intenso, bastando girá-los da cabeça para os pés de quando em quando. No entanto, os colchões que têm camadas de espuma idênticas em ambas as faces, podem ser virados para garantir a ventilação do colchão e prolongar a sua vida útil.

Como se limpa um colchão de espuma?

A camada de espuma viscoelástica está localizada perto da superfície do colchão, mas debaixo da camada acolchoada, por isso, este tipo de colchão pode ser limpo como qualquer outro.

Qual é o melhor tipo de colchão?

No nosso comparador vai encontrar colchões de espuma ou de molas. Pode ainda optar consoante o nível de firmeza que mais gosta ou o comportamento térmico. A decisão final depende das suas preferências.

Ver o comparador de colchões

Junte-se à maior organização de consumidores portuguesa

A independência da DECO PROTESTE é garantida pela sustentabilidade económica da sua atividade. Manter esta estrutura profissional a funcionar para levar até si um serviço de qualidade exige uma vasta equipa especializada.

Registe-se para conhecer todas as vantagens, sem compromisso. Subscreva a qualquer momento.

Junte-se a nós

 

O conteúdo deste artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais com o consentimento expresso da DECO PROTESTE, com indicação da fonte e ligação para esta página. Ver Termos e Condições.