Notícias

Tarifas: água, lixo e diferenças entre municípios

28 junho 2017 Arquivado
Thumb

28 junho 2017 Arquivado
O custo dos resíduos depende do consumo de água e o seu peso na fatura chega a € 166 por ano. Mas quem produz menos lixo não pode pagar o mesmo que quem produz mais. No abastecimento, no saneamento e nos resíduos sólidos, há portugueses a pagar, e muito, pela água.  

Tarifa social para famílias carenciadas

Abastecimento de água, saneamento e resíduos: estes são os serviços em que pode obter desconto se tiver baixo rendimento. Tal materializa-se no tarifário social. Existem ainda tarifários exclusivos para pensionistas ou para idosos, mas que não são suficientes para abranger todas as famílias em situação de carência económica dos municípios. Mais de 800 mil agregados familiares poderão necessitar do apoio concedido pela tarifa social na fatura mensal da água. No setor da eletricidade, o mecanismo de atribuição automática da tarifa social permitiu beneficiar mais de 800 mil famílias em situação de carência económica. Mas, na água, a realidade é outra: tal como em 2016, 12 dos 27 municípios com preços mais elevados nos serviços de abastecimento de água não aplicam a tarifa social, deixando desprotegido quem se encontra em situação mais fragilizada. 

Em 102 municípios, não é aplicada tarifa social específica para famílias em situação de carência económica.