Cartas-tipo

Reclamação por acidente em autoestrada provocado por animal

15 fevereiro 2017
carta-tipo

15 fevereiro 2017
Por correio registado ou e-mail, uma reclamação por escrito serve de prova e pode ser decisiva para resolver o seu conflito. Identifique bem quem envia, o destinatário e a data e exponha claramente os factos. Guarde cópias do envio.
Nome e morada completa do remetente

Nome e morada completa do destinatário

Localidade e data

Carta registada com aviso de receção

Assunto: Acidente provocado por animal.

Exmos. Senhores,

No dia 4 de março, conduzia o meu veículo ………………, com a matrícula ……-……-……, em direção a …………………, quando, cerca do quilómetro 114 da autoestrada que V. Exas. exploram, um cão de porte médio se atravessou na via, surpreendendo-me de tal forma que, apesar de uma travagem de emergência, não consegui evitar o embate. Como é lógico, àquela velocidade, o pobre animal morreu instantaneamente e o meu carro ficou imobilizado, com a frente destruída, acabando por ter de ser rebocado.

Depois de o ter levado a uma oficina da marca, os mecânicos estimaram a reparação em € 2000 (dois mil euros). Considero este valor muito elevado, até porque não tenho seguro de danos próprios. Além disso, não me considero obrigado a suportar tal despesa, já que a responsabilidade pelo atravessamento do animal é vossa. Na verdade, enquanto esperava pelo reboque, tive oportunidade de verificar que qualquer animal de tamanho médio (cão, porco, cabra, etc.) facilmente teria acesso à autoestrada, pois a vedação naquela zona era praticamente inexistente.

Aliás, tratei de imediato de tirar fotografias do local, com o meu telemóvel, de que junto seis exemplares: estes documentam o que afirmo e, se necessário, uma inspeção ao local poderá confirmar o mesmo. Considero que não tomaram as medidas necessárias para evitar a passagem de animais para as vias da autoestrada entregue à vossa exploração e, em consequência, exijo que procedam ao pagamento da reparação do meu carro. Caso não o façam, não deixarei de recorrer ao tribunal para defender os meus direitos.

Sem mais de momento, subscrevo-me, apresentando os meus melhores cumprimentos,

(Assinatura)

Anexos: Seis fotografias do local do acidente; cópia do orçamento da oficina.