Primeiras impressões

Pioneer NavGate Head-Up Display: não desperdice mais de 750 euros

31 janeiro 2014 Arquivado

31 janeiro 2014 Arquivado

O Pioneer NavGate HUD promete uma condução mais intuitiva e com a concentração em alta. Mas é difícil de instalar, pouco prático e custa desde € 755, com aplicação e licença.

Início

O Pioneer NavGate marca a estreia do fabricante japonês nos head-up display (também designados por HUD) e com promessas fortes. Permite ao condutor manter os olhos onde deve enquanto conduz. O Pioneer NavGate HUD inova: além das setas de direção e a velocidade, exibe o tempo até ao destino, as próximas ações, a informação de trânsito e até o assistente de mudança de faixa.

Veja o vídeo do teste na estrada com o Pioneer NavGate HUD.

O preço de € 699 é muito elevado para os resultados que proporciona. Pouco prático, o Pioneer NavGate Head-Up Display demonstrou falhas cruciais. Em matéria de segurança, nada consegue bater as instruções vocais. Para acertar na escolha, siga o nosso teste. A melhor solução é o sistema de navegação clássico ou uma aplicação GPS de telemóvel com instruções de voz exemplares.

A prova de estrada revela que o Pioneer NavGate HUD não aumenta a segurança ao volante e nos primeiros quilómetros a experiência pode ser muito confusa. Se mesmo assim quer usufruir desta tecnologia, o Garmin HUD, apesar de mais limitado, é uma opção aceitável e mais acessível (€ 190 a € 240 já com aplicação).

Pioneer NavGate HUD: a tecnologia é promissora, mas não recomendamos este produto.
Pioneer NavGate HUD: a tecnologia é promissora, mas não recomendamos este produto.
Depois de montar o equipamento, não pode usar a pala do sol.
Depois de montar o equipamento, não pode usar a pala do sol.
O Garmin HUD é uma opção aceitável e mais acessível.
O Garmin HUD é uma opção aceitável e mais acessível.
Com a aplicação, o Garmin HUD custa 190 a 240 euros.
Com a aplicação, o Garmin HUD custa 190 a 240 euros.

Imprimir Enviar por e-mail