Como testamos

GPS: como testamos

18 maio 2016
Conheça os parâmetros analisados do teste DECO PROTESTE GPS (aparelhos Personal Navigation Assistant, ou PNA, e apps de navegação).

18 maio 2016
Testamos os GPS (PNAs e apps de navegação) numa sala isolada, onde simulamos os sinais de satélite. Analisamos o desempenho e eficácia dos aparelhos nas tarefas de calcular rotas, encontrar os satélites, ligar e desligar.
Para cada equipamento, é medido o tempo que demora a detetar e fixar o sinal dos satélites. São consideradas duas situações: o arranque “a quente” e “a frio”.



O teste é realizado numa sala blindada, que garante a total ausência dos sinais de satélite. De seguida, e recorrendo a um simulador, começam os ensaios.

No arranque “a quente”, o equipamento é ligado 1 hora depois de ter estado em funcionamento com os satélites fixados. A localização simulada é igual à anterior.

Já no arranque “a frio”, o teste simula que o aparelho está localizado a cerca de 10 quilómetros do último local, tendo-se mantido desligado durante, pelo menos, 24 horas.

Também medimos o tempo que cada aparelho demora a ligar e desligar, bem como o necessário para calcular as rotas. Fazemo-lo para todas as opções de cálculo (percurso mais rápido, mais curto, evitar autoestradas, etc.).