Notícias

Consumidores testam mobilidade na rua sem carros em Lisboa

Centenas de consumidores testaram karts e conhecimentos sobre mobilidade no expositor da DECO PROTESTE, na Avenida da Liberdade.

  • Texto
  • Sónia Graça e Nuno César
02 outubro 2019
  • Texto
  • Sónia Graça e Nuno César
mobilidade na cidade

João Ribeiro

Miúdos, graúdos, idosos e até estrangeiros. Sozinhos ou em família. No último domingo de setembro, mais de 600 consumidores visitaram o expositor da DECO PROTESTE, dedicado à mobilidade, no âmbito da iniciativa A Rua é Sua da Câmara Municipal de Lisboa, na Avenida da Liberdade.

O circuito de karts foi a principal atração para os consumidores. 
O circuito de karts foi a principal atração para os consumidores.
Muitos param e ficam a ler as perguntas em placards (“O diesel vai mesmo acabar?”). Outros põem-se na fila, à espera da sua vez. Mas antes de se fazerem à pista, foram desafiados a testar os conhecimentos sobre mobilidade, respondendo a um conjunto de perguntas (como, por exemplo, “As bicicletas precisam de matrícula para circular na estrada?”), e por cada resposta certa, receberam um presente.

Carla e Rui Gonçalves acertaram em todas as perguntas. 
Carla e Rui Gonçalves acertaram em todas as perguntas.

“Acertámos em todas”, conta Carla Gonçalves, lisboeta de 44 anos, que visitou o stande com o marido, de 53, e a filha, de três anos. Carla experimentou a pista, com a pequena Maria. Deram duas voltas e gostaram muito. “É pena não haver mais eventos como este. Acho muito importante parar a cidade para que as pessoas aproveitem uma avenida tão bonita e com tanto espaço para os miúdos correrem e andarem de bicicleta ou de trotinete”, desafia Carla.

Mobilidade interligada e não restritiva

Centenas de consumidores participaram nesta ação da DECO PROTESTE. “A proximidade faz parte do nosso ADN e o objetivo é estar na rua e interagir com os consumidores, sensibilizando-os para a necessidade de uma mobilidade mais interligada e organizada, mas não restritiva”, sublinha Rita Rodrigues, responsável pelas relações institucionais da organização de defesa dos consumidores, explicando: “Muitos consumidores têm ideia de que mobilidade significa deixar de andar de carro e passar a andar a pé. Para nós, mobilidade não é proibir, mas encontrar formas de as famílias se organizarem e perceberem qual a melhor opção face às suas necessidades. Estamos a ajudar as famílias a organizar as viagens diárias”.  

“Nós praticamente não conduzimos: a creche da miúda fica perto de casa, a Carla mora perto do trabalho e vai a pé e eu, de autocarro. Só ao sábado, quando vamos para mais longe, é que tiramos o carro da garagem”, diz Rui.

Antes de partirem, Carla, Rui e todos os consumidores que por ali passaram foram convidados a inscrever-se na 2.ª edição da conferência Visões do Futuro. Mais de 100 consumidores garantiram lugar a 18 e 19 de outubro, no pavilhão Carlos Lopes, em Lisboa.

Please fill the source and the alt text 
A DECO PROTESTE divulgou no recinto a compra coletiva de trotinetes elétricas com desconto.
O portal Mais Mobilidade esteve em grande plano com mais de 150 registos. É um portal gratuito, onde pode beneficiar de compras coletivas, juntar-se a ações reivindicativas e consultar a melhor informação ao serviço do consumidor. Transportes públicos, carros, bicicletas e trotinetes: juntámos tudo o que faz a diferença para saber como se deslocar e aumentar a eficiência de cada viagem.

 

Este artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais se for indicada a fonte e contiver uma ligação para esta página. Ver Termos e Condições.