Dossiês

Bicicletas: escolher, comprar e manter

31 março 2021
corrente de bicicleta

Veja como calcular a dimensão que o quadro da bicicleta deve ter e escolher o capacete.

Tamanho certo e capacete

Como a maioria das marcas disponibiliza várias medidas, para escolher uma bicicleta, precisa de calcular o tamanho mais adequado à sua estatura.

Meça o comprimento da sua perna, desde o calcanhar até à zona do gancho (corresponde à altura da virilha). Multiplique o valor obtido por 0,65, se as medidas forem em centímetros, ou por 0,21, caso estejam em polegadas. O resultado indica a dimensão que o quadro deve ter: a distância entre o apoio do pedal e o tubo onde encaixa o selim. Algumas marcas assinalam as dimensões com letras: S, para quadros com 17 polegadas, M com 19, L com 21 e XL com 23.

Os modelos não estão, por norma, “prontos a guiar”: a regulação do selim, a sensibilidade dos travões e a engrenagem precisam de ser ajustadas por um profissional. As bicicletas compradas em lojas especializadas são afinadas gratuitamente por um técnico, mas pode ser difícil fazer todos os ajustes se comprar em grandes superfícies.

Pedalar sempre com capacete

É indispensável usar o capacete quando anda de bicicleta porque, em caso de queda, este equipamento reduz o risco de lesões na cabeça e possíveis danos cerebrais.

Não tem de gastar uma fortuna para comprar um modelo resistente, leve e confortável. 

Antes de comprar:

  • verifique se traz a marcação EN1078, que indica ter sido fabricado com respeito pela norma europeia;
  • prefira um modelo com cores vivas ou bandas refletoras, que lhe permite ser avistado à noite pelos condutores;
  • analise a forma de ajustamento, considerando que o anel interior é mais prático do que os elementos almofadados, a banda elástica ou os sistemas de velcro;
  • se for uma criança a usá-lo, certifique-se de que esta consegue abrir a mola que aperta as correias com uma só mão e que o sistema não é muito duro;
  • veja se o modelo tem orifícios de ventilação suficientes. De preferência, devem estar cobertos com uma rede na parte interior, para impedir a entrada de abelhas e de outros insetos.

A resistência ao choque é a característica mais importante num capacete e é determinante para a capacidade de proteção do ciclista.

A leveza, a ventilação e a possibilidade de usar o equipamento com óculos são alguns dos critérios avaliados para determinar os níveis de conforto de cada capacete.

Quase todos são ajustáveis ao formato da cabeça e, por norma, o ajuste é feito através de um botão colocado na parte de trás. É a boa adaptação que garante a estabilidade do capacete, evitando, por exemplo, ressaltos quando há buracos no pavimento. 

Como os níveis de conforto variam, é importante experimentar o equipamento antes de o comprar. Verifique também se o modelo escolhido tem proteção "antibeliscão" nas fivelas que fazem o ajuste ao queixo. Nem sempre é fácil apertá-las sem magoar a pele e, a pensar nisso, algumas marcas criaram esta proteção.

Após uma queda ou choque violento, compre outro capacete. Poderá não notar danos, mas a capacidade de absorção do choque pode já não ser suficiente para proteger a cabeça.

Exclusivo Simpatizantes

Para ler, basta ter conta no site (disponível para subscritores e não-subscritores).

Entrar

Não tem acesso? Criar conta gratuita