Primeiras impressões

Renault Zoe: 100% elétrico, mas só para algumas carteiras

01 dezembro 2013 Arquivado

01 dezembro 2013 Arquivado

O Renault Zoe chega este mês aos standes nacionais e nós já o conduzimos. O novo automóvel 100% elétrico da Renault satisfaz no conforto e impressiona na segurança. Mas prepare-se para fazer contas.

Início

A nossa equipa conheceu o Renault Zoe em primeira mão. Durante um dia inteiro, o volante esteve por nossa conta. Lisboa foi o palco escolhido pela Renault para apresentar o revolucionário Zoe, um carro 100% elétrico, a mais de 700 jornalistas de 30 países.

Apresentamos o Renault Zoe ao vivo e a cores.

A viagem começou no aeroporto de Lisboa e teve pausa no Cristo Rei, em Almada. Fugimos até ao sol da Caparica e regressámos pela Ponte 25 de Abril para concluir os primeiros 75 quilómetros em modo elétrico junto ao Castelo de São Jorge. Carregámos a bateria durante o almoço e levámos o Renault Zoe até ao Guincho, em Cascais.

O Renault Zoe foi apresentado com o preço a partir de 21 750 euros. Na fatura, falta somar o aluguer da bateria. Esta custa € 79 por mês para um contrato renovável de 3 anos e 12 500 quilómetros anuais, ou seja, € 2844 em 3 anos. É a proposta elétrica mais acessível até agora, mas estes valores afastam muitos consumidores.