Primeiras impressões

Dacia Sandero: o indispensável a preço imbatível

31 dezembro 2013 Arquivado
dacia sandero

Arquivado

O Dacia Sandero é uma estrela em ascensão nas vendas. Muito espaçoso e com uma grande bagageira, destaca-se pelo preço imbatível. Com chave na mão, o novo Sandero custa desde 8990 euros.

Rivais e segurança na mira

Entre as rivais do Dacia Sandero, destacamos, com o custo por quilómetro, o Chevrolet Aveo (€ 0,22), o Mitsubishi Colt (€ 0,24) e o Nissan Micra (€ 0,22). Para guiar a sua escolha, consulte o custo por quilómetro e os resultados para 5 mil automóveis.

No capítulo da segurança, o Dacia Sandero dispõe do controlo eletrónico de estabilidade e assistência à travagem de série em todas as versões. No teste de colisão, conquistou 80% na proteção dos passageiros adultos, 79% no caso das crianças, 57% para os peões e 55% nos sistemas de segurança.

No recente teste de colisão, o Dacia Sandero recebeu 4 estrelas.
No recente teste de colisão, o Dacia Sandero recebeu 4 estrelas.

Ocupantes adultos
Habitáculo estável no choque frontal e boa proteção ao nível dos joelhos e fémur do condutor e passageiro. No Dacia Sandero, um nível de proteção idêntico é garantido para ocupantes de diferentes tamanhos e sentados em bancos diferentes.

No teste da colisão lateral, a proteção do peito foi adequada e boa nas outras zonas do corpo. Contudo, no teste mais exigente do poste, oferece uma fraca proteção do peito. O banco e o encosto de cabeça conferem uma proteção marginal para os ocupantes dos bancos frontais contra lesões cervicais em caso de colisão traseira.

Crianças
O Dacia Sandero conseguiu a pontuação máxima na proteção do manequim de 18 meses, sentado num sistema de retenção virado para trás. No impacto frontal, o movimento para a frente no manequim de 3 anos não foi excessivo. No choque lateral, os dois manequins ficaram devidamente protegidos pela cadeira, minimizando o perigo de contacto da cabeça com partes do interior do carro. O airbag do passageiro pode ser desativado para usar uma cadeira voltada para a retaguarda. Mas a informação não é clara.

Peões
O para-choques conseguiu a pontuação máxima na proteção das pernas dos peões. Contudo, a frente do capô apresenta algum risco na área da pélvis. Nas áreas onde a cabeça de uma criança pode embater, a proteção foi adequada, mas é pobre nas zonas suscetíveis de serem atingidos pela cabeça de um adulto.

Assistência à segurança
O controlo eletrónico de estabilidade de série cumpre os requisitos do teste. O Dacia Sandero inclui aviso para colocar o cinto de segurança nos bancos frontais, mas o mesmo não se aplica aos bancos traseiros.