Notícias

Mazda CX-3: um bom SUV com versões separadas por 9 mil euros

24 fevereiro 2016 Arquivado
Mazda CX3

24 fevereiro 2016 Arquivado

No veredicto do laboratório, o Mazda CX-3 é um bom carro, mas perde para os rivais na segurança. Apenas conseguiu quatro estrelas no teste de colisão. As tecnologias de apoio só estão disponíveis em pacotes opcionais, a custo extra.

Tecnologias de segurança: uma questão de opções

O Mazda CX-3 conta com assistência de travagem na cidade e um sistema de vigilância da pressão nos pneus. Os menus e controlos de info-entretenimento são fáceis de usar e de entender, com a exceção do menu de conectividade, que exige alguma prática.

Contudo, apenas os pacotes opcionais mais caros contam com sensores de estacionamento e câmara traseira. Para o dia-a-dia, especialmente útil ao viajar com crianças pequenas, contém avisos visuais e sonoros para abertura de portas e cintos não colocados.

Na travagem repentina, as luzes de aviso ligam automaticamente. A 100 km/hora, ao aplicarmos uma travagem a fundo, em teste, o Mazda CX-3 precisou de 37,7 metros até ficar completamente imobilizado, um bom valor. Mas as curvas podem ser um verdadeiro desafio, pois o carro tende a fugir de traseira. Pode mesmo sair da faixa de rodagem. O diâmetro de viragem é de 11,6 metros, muito elevado.

Na segurança, o Mazda CX-3 perde para os rivais, como o Renault Captur e o Honda HR-V. Só conseguiu 4 estrelas no teste de colisão. As tecnologias de apoio estão disponíveis em pacotes opcionais.

No teste de colisão não consegue melhor do que quatro estrelas.

Evite colocar a cadeira no lugar central. O banco não foi desenhado para apoiar estas cadeiras. As portas não têm proteção para crianças. 

Se não está convencido, pondere as propostas da concorrência. Destacamos o Fiat 500X, o Nissan Juke, o Honda HR-V, o Opel Mokka, o Peugeot 2008 ou o Renault Captur.

O vidro traseiro do carro está numa posição elevada, afetando a visibilidade.

A nossa equipa ao volante do Opel Mokka

Conheça melhor o Peugeot 2008

Conheça os pontos fortes do Renault Captur