Notícias

Green NCAP ajuda a escolher carros mais amigos do ambiente

Ajudámos a fundar o Green NCAP, um programa mundial e independente para avaliar o desempenho ambiental dos automóveis. Nos primeiros ensaios, testámos 10 carros com um novo ciclo de medições.

  • Dossiê técnico
  • Alexandre Marvão e António Souto
  • Texto
  • Nuno César
06 maio 2019
  • Dossiê técnico
  • Alexandre Marvão e António Souto
  • Texto
  • Nuno César
green ncap

Green NCAP é o novo programa mundial e independente que visa testar o desempenho ambiental dos carros. Numa só nota final, o consumidor fica a conhecer o veredicto ecológico do automóvel. Nos primeiros ensaios, o Green NCAP testou 10 carros com um novo ciclo de medições que exploram a diferença entre as alegações dos fabricantes e o desempenho real. A avaliação baseia-se nas emissões de CO2 e de outros poluentes perigosos, como o NOx em laboratório e na estrada. Resume o desempenho em duas áreas: emissões e eficiência energética. Cinco estrelas revelam um carro com emissões mínimas e máxima eficiência a converter energia em movimento. O consumo e a autonomia são fatores cruciais. O próximo passo é incluir no veredicto a produção do combustível e do próprio automóvel. Esperamos contribuir para aumentar a transparência do mercado, tornando-o mais objetivo, e incentivar o consumidor a fazer escolhas ecológicas.

Compare mais de 200 automóveis

Hoje, marcas e consumidores, todos reconhecem a força e a notoriedade do Euro NCAP na segurança automóvel. Mais de 20 anos de testes de colisão depois, demonstrou ser um meio eficaz de pressão junto dos fabricantes. Inspirados no sucesso do Euro NCAP, ajudámos a fundar o Green NCAP com uma meta clara: incentivar a indústria a produzir automóveis ainda mais eficientes do que mandam os atuais critérios legais.

Em defesa de um futuro com transportes mais limpos e apoiado pelo Euro NCAP, do qual fazemos parte desde o primeiro dia, o Green NCAP classifica os veículos no desempenho ambiental. Vamos denunciar os pontos fracos e valorizar os pontos fortes na redução de poluentes e no controlo de emissões. Contamos levar as marcas a acelerarem o desenvolvimento dos carros em prol do ambiente e da carteira do consumidor. No contexto atual, de desconfiança do público nas emissões, o novo teste é uma oportunidade para reconhecer os fabricantes com uma melhoria real face às leis atuais e à concorrência. Durante anos, denunciámos um desvio enorme entre o desempenho dos carros nos testes de homologação e na estrada. Na verdade, os consumidores não conseguem ver a poupança de combustível anunciada pelas marcas, pagando uma fatura muito mais pesada.

Já testámos o desempenho ambiental de 10 carros

O Green NCAP apresentou-se ao mundo com a primeira vaga de automóveis testados segundo um novo ciclo de medições técnicas. Avaliámos 10 carros: Hyundai Ioniq Electric e BMW i3, ambos 100% elétricos, VW up, BMW X1, Mercedes Classe A, Ford Fiesta, Audi A7, Volvo XC40, VW Golf e Fiat Panda, a gasolina e a gasóleo, consoante a versão.

O Hyundai Ioniq e o BMW i3 atingiram a nota máxima de 5 estrelas. O VW Up também revelou um bom comportamento com quatro estrelas. No veredicto final, três carros não conseguiram uma única estrela: o VW Golf, o Fiat Panda e o Ford Fiesta. Cumprem a norma de emissões Euro 6b, válida para carros introduzidos no mercado antes de setembro de 2017. Mas, a partir de setembro de 2019, todos os carros devem respeitar as regras mais exigentes da norma Euro 6d-temp. Veja os resultados completos no portal do Green NCAP e não gaste um cêntimo sem testar o nosso comparador

Hyundai Ioniq Electric com cinco estrelas do Green NCAP 
O Hyundai Ioniq Electric recebeu cinco estrelas do Green NCAP. As versões Electric e plug-in custam quase 40 mil euros. O irmão Hybrid custa 33 460 euros.

BMW i3 à venda desde 42 100 euros 
À venda por 42 100 euros, o BMW i3 também conseguiu a nota máxima. Mais potente, o BMW i3s custa 45 900 euros.

Desempenho ambiental do carro medido em laboratório 
A avaliação Green NCAP resume o desempenho do carro em duas áreas: emissões e eficiência energética.

Esta primeira ronda demonstra que os automóveis elétricos são a opção mais amiga do ambiente. E aqui não entram mitos, nem preconceitos. Em novembro, respondemos com factos e números: gasolina, gasóleo, elétrico ou híbrido? O carro elétrico já compensa e convence em toda a linha.

 

Este artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais se for indicada a fonte e contiver uma ligação para esta página. Ver Termos e Condições.