Notícias

A nossa seleção de vinho branco por menos de 4 euros

Início

Vinho com Denominação de Origem é melhor do que vinho com Indicação Geográfica? O nosso teste quebra preconceitos com 3 vinhos que obtiveram 70% ou mais de Qualidade Global.

06 março 2018
 Vinhos brancos que brilham na qualidade e custam menos de 4 euros

Thinkstock

Dos 364 vinhos do nosso teste, muitos Regionais, também conhecidos por vinhos com Indicação Geográfica, estão ao nível dos que exibem Denominação de Origem. Compare a qualidade dos dois tipos de vinho e deixe-se impressionar.

Ver teste a vinhos

Os vinhos com Indicação Geográfica são produzidos em regiões específicas cujos nomes podem adotar. Para tal, devem satisfazer alguns requisitos. Um dos principais é serem elaborados com, pelo menos, 85% de uvas provenientes daquela região e de castas permitidas. Estão sujeitos a um sistema de certificação, mas com critérios de qualidade menos exigentes do que os usados para os vinhos com Denominação de Origem:

  • podem ser produzidos em áreas mais vastas;
  • não são obrigados a respeitar rendimentos mínimos por hectare;
  • o número de castas a partir das quais podem ser feitos é maior;
  • o teor alcoólico exigido é, regra geral, menor;
  • raramente estão previstos estágios mínimos de maturação obrigatórios.

No rótulo destes vinhos, geralmente encontra as seguintes menções: Vinho Regional, Vinho da Região de..., Indicação Geográfica ou IG, Indicação Geográfica Protegida ou IGP

Em Portugal, 14 zonas estão reconhecidas como aptas para a produção de vinhos com Indicação Geográfica: Minho, Transmontano, Duriense, Terras do Dão, Terras da Beira, Beira Atlântico, Terras de Císter, Lisboa, Tejo, Península de Setúbal, Alentejano, Algarve, Terras Madeirenses e Açores.

Novidades da colheita 2017

A pensar nos dias que vão ficar mais quentes, selecionámos 3 vinhos brancos com Indicação Geográfica da nova colheita. Custam menos de € 4 e obtiveram, pelo menos, 70% de Qualidade Global no nosso teste.

Fazer login e consultar seleção de vinhos

Se é subscritor do Guia de Vinhos e quer analisar os resultados completos do teste a outros vinhos, aceda ao comparador ou descarregue a app DECO Vinhos. Pode pesquisar a qualidade, os preços e as lojas mais baratas perto de si.

A pesquisa pode ser refinada por tipo de vinho (brancos, espumantes, rosés e tintos), marca, ano de colheita e designação. Também é possível comprar vinhos com condições mais vantajosas.

 


Imprimir Enviar por e-mail