Guia de compras

Vinho: guia de compras

17 novembro 2020
pessoa com garrafa na mão a ver o rótulo para comprar vinho

Designações como "Reserva" ou "Colheita Selecionada" não são garantia de qualidade do vinho. Assegure-se de que são cumpridas boas condições de armazenamento quer na loja, quer em casa. E não descure a temperatura na altura de servir o vinho. 

Alguns vinhos testados ostentam designações do tipo “Reserva” ou “Colheita Selecionada”. Para incluírem essa informação no rótulo, devem obedecer a características na composição, no aspeto, no aroma e no sabor. Por exemplo, os vinhos ditos “Reserva” devem ter um teor alcoólico com, pelo menos, mais 0,5% do volume de álcool mínimo legal estabelecido e características organoléticas destacadas.

Escolher o vinho na loja

Prefira estabelecimentos com uma climatização adequada, onde as garrafas estejam deitadas e ao abrigo da luz.

Observe o estado da garrafa. O nível de líquido não deve estar abaixo do normal.

Leia os rótulos para ter a certeza do que está a comprar (por exemplo, preste atenção ao ano de colheita). Designações do tipo “Reserva” ou “Colheita Selecionada” nem sempre são uma garantia de qualidade. Além disso, os nossos testes comprovam que um vinho com Denominação de Origem não é necessariamente melhor do que um com Indicação Geográfica (Vinho Regional).

Conservar as garrafas de vinho em casa

O vinho pode perder qualidade, quando guardado tempo demais.

Se costuma ter algumas garrafas de reserva, guarde-as deitadas, ao abrigo da luz e, de preferência, com uma temperatura constante entre os 12 a 14ºC (por exemplo, numa cave). As eventuais oscilações de temperatura não devem ser superiores a 4 a 5ºC, tanto num sentido como noutro. O local deve ainda ter alguma ventilação e pouca humidade (humidade relativa abaixo de 75%), para evitar que a rolha e os rótulos se deteriorem.

Se não tem onde guardar as garrafas nas condições adequadas, compre apenas as que prevê consumir no curto prazo.

Servir o vinho à temperatura ideal

De uma forma geral, os brancos servem-se a uma temperatura entre os 10 e 12ºC e os tintos, entre 16 e 18ºC. Se a garrafa sair da adega a 14ºC, os brancos atingem a temperatura ideal de serviço em pouco mais de meia hora no frigorífico. Nos tintos, se a temperatura ambiente rondar 20ºC, o vinho atinge a temperatura ideal após hora e meia. Em qualquer situação, não deixe passar dos 20ºC, para não perder as suas características.

Sirva em copos adequados, para ser devidamente apreciado. Encha os copos até pouco mais de meio e... saúde!

Junte-se à maior organização de consumidores portuguesa

Num Mundo complexo e com informação por vezes contraditória, a DECO PROTESTE é o sítio certo para refletir e agir.

  • A nossa missão exige independência face aos poderes políticos e económicos. 
  • Testamos e analisamos uma grande variedade de produtos para garantir que a escolha dos consumidores se baseia em informação rigorosa. 
  • Tornamos o dia-a-dia dos consumidores mais fácil e seguro. Desde uma simples viagem de elevador ou um desconto que usamos todos os dias até decisões tão importantes como a compra de casa.
  • Lutamos por práticas de mercado mais justas. Muitas vezes, o País muda com o trabalho que fazemos junto das autoridades e das empresas. 
  • Queremos consumidores mais informados, participativos e exigentes, através da informação que publicamos ou de um contacto personalizado com o nosso serviço de apoio.

A independência da DECO PROTESTE é garantida pela sustentabilidade económica da sua atividade. Manter esta estrutura profissional a funcionar para levar até si um serviço de qualidade exige uma vasta equipa especializada.

Faça parte desta comunidade.

Registe-se para conhecer todas as vantagens, sem compromisso. Subscreva a qualquer momento.

Junte-se a nós