Dicas

Saber comer e mexer para crescer saudável e viver melhor

Início

Adotar hábitos saudáveis melhora a saúde e bem-estar e potencia o desenvolvimento nas crianças e nos jovens. Saiba como dosear os alimentos para ter uma dieta equilibrada.

07 dezembro 2017
saber comer

Thinkstock

A adoção de hábitos saudáveis tem resultados muito positivos para a saúde, conforto e satisfação. A par de praticar alguma atividade física que seja satisfatória e se adapte ao perfil e gostos, é importante conhecer os alimentos e as melhores formas de os combinar. Deve fazer uma alimentação completa e variada, mas também equilibrada. É essencial comer alimentos de todos os tipos, mas estar ciente das doses aconselháveis respetivas.

Para garantir o equilíbrio alimentar é também necessário ter noções sobre o gasto calórico e o valor energético diário a ingerir. Esse valor depende da idade e género de cada um, bem como do tipo, regularidade e intensidade da atividade física que pratica.

 Veja se precisa de perder peso

Para crianças entre os 6 e os 7 anos, por exemplo, a média recomendada é de 1500 a 1600 calorias diárias. Para a faixa etária do 9 aos 11 anos é de 1800 a 2000 calorias. Este valor aumenta gradualmente, com a idade. 

Apesar desta variabilidade, há recomendações comuns a todos. A primeira é o número de refeições por dia: 5 ou 6, sendo aconselhável não passar mais de 3 horas sem comer. A segunda relaciona-se com a repartição do valor de calorias a ingerir pelas várias refeições: 15 a 20% do aporte calórico diário deve ser ingerido ao pequeno-almoço; 5 a 10% durante o lanche da manhã; 25 a 30% ao almoço; 10 a 15% no lanche da tarde; 25% ao jantar e 5 a 10% na ceia.

Para conhecer as porções diárias recomendadas de cada grupo de alimentos, aceda ao separador Adapte as quantidades ao tipo de alimentooda dos alimentos, onde encontrará também algumas sugestões de menus para refeições a meio do dia.

Para além da alimentação, é essencial mexer-se. A inatividade física contribui para o aumento do peso e favorece o desenvolvimento de doenças cardiovasculares e outras, como a obesidade e a diabetes. Conheça em maior detalhe os riscos para a saúde provocados por uma má alimentação e os truques para a evitar no separador Prevenir o excesso de peso.